UAI
Publicidade

Estado de Minas COVID

Juiz de Fora libera uso de máscaras em ambientes abertos

As pessoas já vão poder retirar a proteção nesta segunda-feira (7/3); a nova medida, faz parte da etapa 3 da retomada econômica e social da cidade.


07/03/2022 18:46 - atualizado 07/03/2022 19:01

Vista aérea de Juiz de Fora
A máscara continua obrigatória em locais fechados, como o transporte público. (foto: Carlos Mendonça/PMJF/Reprodução)
Em Juiz de Fora, cidade na Zona da Mata mineira, o uso de máscaras foi liberado em ambientes abertos a partir desta segunda-feira (7/3).
 
A nova medida passa a valer após o município entrar na etapa 3 do programa “Juiz de Fora Viva – cidade em movimento”, que concluiu que mais de 85% da população está com esquema vacinal completo (duas doses) contra a COVID-19.
 
De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE 2010), a cidade tem 516.247 mil habitantes, portanto, 438.809 pessoas estão totalmente imunizados com a 2ª aplicação da vacina.
 
Em comunicado oficial através do site da Prefeitura de Juiz de Fora, o coordenador do comitê Juiz de Fora Viva, Ignacio Delgado, explicou que o avanço registrado é um resultado do trabalho das áreas da saúde, fiscalização e Poder Executivo.
 
“Hoje, a gente entrega uma cidade muito mais protegida e em condições de retomar de forma quase plena a sua vida produtiva e social. Mas é importante mantermos o alerta necessário para evitar retrocessos, continuarmos com os protocolos que estão previstos no programa e evitarmos qualquer tipo de atividade que coloque em risco a segurança sanitária do município”, explica o dirigente.
 
Segundo Delgado, o uso de máscara em locais fechados (transporte público) continua obrigatório.

População

Pelo Facebook, a prefeita Margarida Salomão (PT), publicou um vídeo explicando a nova medida.
 
“O comitê Juiz de Fora Viva, avaliando os dados de saúde da cidade, nos coloca numa situação em que é possível andar sem máscara nos ambientes abertos. Ou seja, quem quiser andar de máscara o faz pela sua decisão pessoal”, explica a prefeita.
 
Algumas pessoas comentaram na publicação e foram cautelosas, outras comemoraram.
 
“Concordo plenamente. Mas deveria esperar o resultado do carnaval, aí sim liberar com mais tranquilidade”, disse uma moradora através das redes sociais.
 
Em eventos sociais e corporativos, feiras comerciais, educacionais, culturais, esportivos e de entretenimento -como o carnaval, citado pela residente de Juiz de Fora-, serão realizados com 80% da capacidade do espaço disponível, mediante apresentação do cartão de vacina com o esquema completo de imunização.
 
"Ótima notícia para Juiz de Fora", comemora outro morador ao compartilhar o vídeo sobre o anúncio da liberação de máscaras. 
 

Veja o que muda em outras áreas:

 
Espaços Culturais
 
Nesta fase, museus, galerias, salas de exposição e similares, cinemas, teatros, parques, bibliotecas e locais de pesquisa estão autorizados a operar com 100% da capacidade, condicionados à apresentação do comprovante de vacina.
 
Horários de funcionamento
 
Os horários de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, bares e restaurantes passam a vigorar de acordo com a Lei Orgânica do Município.
 
Protocolos de segurança
 
Na Etapa 3, a população deverá manter o distanciamento social de 1m em ambientes abertos e fechados. Protocolos gerais de segurança sanitária, como medidas de higiene/etiqueta, continuam obrigatórios. 
 
A relação completa das atividades e condições para que um espaço econômico ou social funcione durante esta nova etapa, podem ser conferidas através do site: https://covid19.pjf.mg.gov.br/jf-viva.php


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade