Publicidade

Estado de Minas MEIO AMBIENTE

Nove cidades recolhem 115 toneladas de pneus velhos no Sudoeste Mineiro

Só em São Sebastião do Paraíso, quase 40t foram recolhidas. Pneus em desuso serão utilizados para fazer grama sintética, sola de sapato e saco de ginástica


09/07/2021 19:13 - atualizado 09/07/2021 19:26

O descarte correto de pneus é importante para o meio ambiente e para a saúde(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 18/2/16)
O descarte correto de pneus é importante para o meio ambiente e para a saúde (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press - 18/2/16)

De acordo com levantamento apresentado pelo Cidassp (Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento Sustentável de São Sebastião do Paraíso), os nove municípios integrantes alcançaram uma importante marca na destinação de pneus inservíveis no primeiro semestre de 2021.

No período entre janeiro a junho deste ano, o volume de material destinado pelos municípios alcançou a marca de 115 toneladas.

Confira o ranking, de janeiro a junho:
  1. São Sebastião do Paraíso - 39.920kg
  2. Monte Santo de Minas - 29.680kg
  3. Cássia - 22.700kg
  4. Itamogi - 6.700kg
  5. São Tomás de Aquino - 4.900 kg
  6. Capetinga - 4.600 quilos
  7. Jacuí - 4.690kg
  8. Fortaleza de Minas - 840kg
  9. Pratápolis - 650kg
 
De acordo com a engenheira ambiental Thaís Ferreira Júlio, há um ano o consórcio exerce esse trabalho. Uma parceria com uma empresa de Ribeirão Preto (SP) foi firmada para recolher e reaproveitar o material na fabricação de sola de sapatos, grama sintética e saco utilizado em atividades físicas.

A empresa recolhe os pneus em cada município mensalmente e leva para o destino. Cada município fica encarregado de reunir o material. “Através do Cidassp, conseguimos oferecer aos municípios participantes a opção de destinar corretamente este material. O descarte correto dos pneus é imprescindível para garantir a preservação do meio ambiente e também não podemos esquecer que esta ação evita a proliferação do mosquito causador da dengue, da chikungunya e do zika vírus”, disse Thaís.

Para incentivar ainda mais a a destinação final correta dos pneus em desuso, o Cidassp criou um selo de reconhecimento para casas de pneus e borracharias.

Por enquanto, o selo será apenas para empresas de São Sebastião do Paraíso. Cada município desenvolve as ações  de marketing e fomento conforme a sua necessidade.

A ideia surgiu com base na performance do primeiro semestre em Paraíso e nas outras 8 cidades que integram o Cidassp.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade