Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Mulher mata o irmão a facadas em Araxá, é presa e confessa o crime

A motivação do homicídio estaria relacionada a briga por causa de crack; segundo a mulher, ela se defendeu


07/06/2021 18:31 - atualizado 07/06/2021 18:43

A suspeita foi presa em flagrante pela Polícia Militar (foto: PMMG/Divulgação)
A suspeita foi presa em flagrante pela Polícia Militar (foto: PMMG/Divulgação)
Uma mulher, de 33 anos, é suspeita de matar a facadas o irmão, de 36, no Bairro Francisco Duarte, em Araxá, no Triângulo Mineiro. Segundo a Polícia Militar (PM), ela foi presa em flagrante na tarde desse domingo (6/6), numa mata nas proximidades do local do crime, e confessou o homicídio.
 
Ela, que estava com marcas de sangue em sua roupa, disse aos militares que desferiu os golpes de faca no rosto e no peito do irmão para se defender, depois que o mesmo teria a pressionado para lhe entregar pedras de crack.

Ainda segundo relato da suspeita, a faca usada no crime estava na cintura da vítima. A arma branca foi localizada e apreendida.
 
Testemunhas disseram à PM que os envolvidos no crime, constantemente, usavam drogas juntos.
 
Gelvane de Souza Valle foi encaminhado com vida pelo Corpo de Bombeiros para Unidade de Pronto Atendimento de Araxá (UPA), onde morreu pouco depois de dar entrada.
 
A suspeita foi levada para a Delegacia de Polícia Civil e após prestar o seu depoimento ao delegado de plantão seria levada para presídio de Araxá.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade