Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Coronavírus: Senai incentiva alunos a pensar soluções para indústria e educação

Desafio é apresentar projetos inovadores que garantam ritmo de estudos e produtividade de empresas em tempos de pandemia


postado em 07/04/2020 18:29 / atualizado em 07/04/2020 18:45

(foto: Divulgação/ Senai)
(foto: Divulgação/ Senai)

Com a pandemia de coronavírus, hábitos e rotinas foram completamente alterados e trabalho, educação e lazer tiveram de ser repensados. Diante disso, há já quem projete que o mundo jamais será o mesmo após essa crise epidemiológica. É a partir desse contexto que o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) incentiva seus alunos e instrutores em todo o país a propor alternativas ao modelo educacional e industrial vigentes.

O Grand Prix de Inovação (GP) é uma campanha organizada pelo Senai para que os participantes apresentem soluções para três desafios: Como estudar durante o período de quarentena da pandemia sem perder o ritmo de estudos e aprendizado? Como ter uma indústria sem contaminação e sem perder a produtividade? Como manter o ambiente saudável, enquanto passamos pela pandemia?

Da equipe composta pelos alunos deverão fazer parte ao menos três pessoas, e um instrutor atuará como orientador – podem participar alunos de diferentes modalidades e escolas na mesma equipe. A idade mínima entre os estudantes é de 14 anos.

Os instrutores também poderão inscrever seus próprios projetos, que devem apontar quais ferramentas educacionais inovadoras seriam recomendáveis em tempo de pandemia. 

A primeira fase da iniciativa começou no último dia 30 e vai até esta sexta-feira (10). Participantes devem apresentar seu projetos na plataforma da saga Senai de Inovação: http://plataforma.sagainovacao.senai.br. Aberto o link, basta clicar em Desafios e acessar o Desafio GP superando o coronavírus. Até o momento, de acordo com o Senai, cerca de 60 projetos foram apresentados.

Na segunda fase, que vai de 13 a 17 de abril, os projetos serão avaliados e dos dias 20 e 23 será divulgado o resultado. A equipe campeã de cada categoria ganhará um certificado e um smartphone Galaxy S 10 Plus. Já entre os projetos apresentados pelos instrutores, os prêmios serão para as equipes que ficarem nos três primeiros lugares – nessa categoria, além do certificado, os ganhadores receberão um smartphone Galaxy S20. 

Em ambos os casos, as melhores soluções serão divulgadas nos meios de comunicação do Senai, para que as empresas brasileiras possam ter acesso aos projetos.

De acordo com o superintendente do Sesi e Senai, Christiano Leal, o projeto tem a ideia de trazer novas perspectivas aos alunos e torná-los agentes de transformação. “O foco é fazer com que os alunos sejam desafiados a pensar soluções para que as indústrias possam se adaptar não só na linha de produção como na parte de um ambiente saudável. O Senai trabalha com o saber fazer, trabalha com a prática. Portanto, o aluno já sai preparado para o mercado de trabalho e para mudanças repentinas de rumo de mercado”, afirma Leal.

*Estagiário sob supervisão do subeditor Eduardo Murta


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade