Publicidade

Estado de Minas

Mais duas vítimas de Brumadinho são identificadas; mortos sobem para 259

Os dois homens identificados pelo Instituto de Criminalística da Polícia Civil eram funcionário terceirizados da Vale


postado em 28/12/2019 16:00 / atualizado em 28/12/2019 16:08

(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)
(foto: Leandro Couri/EM/D.A Press)

Quase um ano após o rompimento da barragem de Córrego do Feijão, em Brumadinho, mais duas vítimas foram identificadas, neste sábado (28). 

Os corpos identificados pelo Instituto de Criminalística da Polícia Civil , por meio de exame de DNA, são de João Tomaz de Oliveira, de 46 anos, e Noel Borges de Oliveira, de 50. 

Segundo a Polícia Civil, eles eram funcionários terceirizados da Vale. João Tomaz trabalhava como motorista de caminhão-pipa e Noel era encarregado de obras.

A maior tragédia socioambiental do país matou 259 pessoas. Onze ainda permanecem desaparecidas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade