Publicidade

Estado de Minas

Sequestro, acidente e prisão: quadrilha faz reféns, bate carro, e vítimas se ferem na 262

Vítimas foram atraídas pela venda de um caminhão e acabaram rendidas pelos criminosos. Os reféns foram colocados no carro dos bandidos. Na fuga, o veículo se envolveu em acidente


postado em 06/12/2019 17:40 / atualizado em 06/12/2019 18:38

Carro usado pelos criminosos se envolveu em um acidente na BR-262. Vítimas estavam no veículo e ficaram feridas(foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)
Carro usado pelos criminosos se envolveu em um acidente na BR-262. Vítimas estavam no veículo e ficaram feridas (foto: Polícia Militar (PM) / Divulgação)

Mais um sequestro foi registrado em Minas Gerais. Desta vez, duas pessoas foram feitas reféns por uma quadrilha. As vítimas foram atraídas pela venda de um caminhão, mas acabaram rendidas no momento em que começariam a negociação. Um resgate foi pedido para a família e a Polícia Militar (PM). O carro onde estavam os sequestradores e os reféns foi perseguido e se envolveu em um acidente. As vítimas ficaram feridas e levadas para o hospital. Três criminosos foram presos. Eles também precisaram de atendimento médico.

Os momentos de terror vividos pelas vítimas começaram em Juatuba, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A quadrilha, especializada em sequestros, atraiu as vítimas com a oferta de venda de um caminhão. “As vítimas chegaram no local combinado, na BR-262, e foram rendidas. Os criminosos ligaram para os familiares e pediram R$ 150 mil em resgate. Chegaram a indicar até as contas para os depósitos”, explicou o tenente Rafael Jannuzzi Bernardi, do 2º Batalhão de Policiamento Especializado (BPE).

Os familiares foram até a sede do batalhão, em Contagem, e contaram para a PM o que estava acontecendo. Diante dos fatos, um intenso rastreamento começou a ser feito pela BR-262. Os militares conseguiram encontrar o veículo com os criminosos e os reféns na rodovia. E teve início a perseguição que acabou em acidente.

“A gente deparou com o veículo e demos ordem de parada, que foi descumprida. Começamos o acompanhamento visual em uma curva na Serra do Elefante (em Mateus Leme). Eles perderam o controle da direção. O carro bateu na mureta de proteção da via, capotaram e atingiram um barranco às margens da pista”, disse o tenente.

No acidente, os dois reféns ficaram feridos. Um deles foi socorrido de helicóptero para o Hospital João XXIII. O outro foi levado para um Hospital de Pará de Minas. O estado de saúde das vítimas não foi informado. “Os três criminosos que estavam no veículo também ficaram feridos e foram levados para o Hospital Regional de Betim”, comentou o tenente. Ele estão sob escolta.


Publicidade