Publicidade

Estado de Minas

Troca de tiros entre quadrilha e PMs termina com um ferido no Aglomerado da Serra

Este é o segundo tiroteio entre as forças de segurança e criminosos do local em menos de dois dias


postado em 19/04/2019 14:25

Material encontrado com os criminosos(foto: Polícia Militar (PM)/ Divulgação)
Material encontrado com os criminosos (foto: Polícia Militar (PM)/ Divulgação)

Operação da Polícia Militar para tentar recapturar um detento que fugiu de uma penitenciária da Grande BH, terminou em troca de tiros entre a noite dessa quinta-feira e a madrugada desta sexta-feira no Aglomerado da Serra, na Região Centro-sul da capital mineira. Militares foram verificar denúncia de que um indivíduo, Pablo Júnio de Laia Pereira, conhecido como “Macalé”, estaria escondido no aglomerado depois de fugir de um Presídio de São Joaquim de Bicas. Durante a ação, houve troca de tiros com traficantes. Uma pessoa acabou baleada e presa. Este é o segundo tiroteio entre as forças de segurança e criminosos do local em menos de dois dias.

Militares receberam informações de que Macalé, apontado como líder de uma quadrilha de tráfico de drogas da região, estaria se escondendo no aglomerado. Diante disso, uma operação foi montada na noite de quinta-feira. Segundo o boletim de ocorrência da PM, os policiais fizeram campana e ficaram observando a atuação de uma quadrilha. Aproximadamente 10 pessoas, segundo o registro policial, estavam recebendo dinheiro de transeuntes e ocupantes de carros, e repassando drogas.


Na observação, segundo a PM, os militares conseguiram identificar Macalé entre o grupo. Diante disso, os militares avançaram para fazer a abordagem. Quando se aproximaram, foram vistos pelos criminosos, que atiraram. Os policiais revidaram. Os alvos fugiram por direções distintas. Apenas um homem, Jonathan Rafael Vasconcelos Costa da Silva, de 24 anos, ficou para trás. Ele foi atingido por dois tiros, sendo um no braço e outro nas nádegas. Ele foi levado para o hospital João XXIII, onde passou por cirurgia. Com ele, foi apreendida uma pistola calibre 9 milímetros.

No local, foram encontradas porções de maconha, crack e cocaína, cápsula de calibre 9 milímetros, três rádios comunicadores, um aparelho celular, R$ 702 em dinheiro. Segundo a PM, equipes que iriam reforçar a segurança no local também foram recebidas a tiros. A Polícia Civil foi acionada e realizou a perícia. Um carro abandonado na região onde aconteceu a troca de tiros foi apreendido. Ele acabou atingido por disparos.

Mais tiros


Esta é a segunda ocorrência de troca de tiros entre criminosos e agentes de segurança no Aglomerado da Serra em menos de dois dias. Na terça-feira, guardas municipais foram até o local para dar segurança a uma escola municipal. Ao chegarem, segundo a corporação, foram recebidos a tiros. Os disparos foram revidados. Ninguém foi atingido ou preso.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade