Publicidade

Estado de Minas

Rodovias estaduais serão monitoradas por 459 radares na semana santa

De acordo com o Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER/MG), os aparelhos vão funcionar normalmente durante o recesso. Alguns veículos de carga serão proibidos de rodar em rodovias de pista simples


postado em 16/04/2019 16:21 / atualizado em 16/04/2019 20:33

(foto: Rodrigo Clemente/EM/D.A Press)
(foto: Rodrigo Clemente/EM/D.A Press)

Os motoristas que vão viajar na Semana Santa devem ter atenção e respeitar os limites de velocidade. Os 459 radares localizados nas rodovias estaduais vão funcionar normalmente durante o recesso, entre quinta-feira e domingo. Veículos de grande porte serão proibidos de trafegar em alguns dias nas estradas que cortam Minas Gerais.

A operação nas estradas mineiras vai começar na quinta-feira, quando o movimento de veículos devem aumentar. Ações serão intensificadas pelo Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DEER/MG) nas rodovias estaduais. Segundo o órgão, todos os aparelhos de fiscalização de velocidade irão funcionar normalmente.

O órgão também vai limitar o tráfego de veículos de grande porte em estradas de pista simples. A proibição vai valer na quinta-feira, entre 16h e 22h, na sexta-feira, entre 6h e 12h, e no domingo,  entre 16h e 22h. Serão impedidos bitrens, treminhões e rodotrens (com mais de duas unidades, sendo uma tratora e as demais tracionadas e comprimento entre 19,80 e 30 metros); cegonheiras (com duas unidades e de 22,40 metros de comprimento); cargas indivisíveis (que excedam as medidas regulamentadas) e, ainda, veículos com até duas unidades, acima de 2,60 metros de largura ou mais de 4,40 metros de altura ou acima de 18,60 metros de comprimento, portando ou não Autorização Especial de Trânsito (AET).

Os motoristas que desrespeitarem a restrição estão sujeitos a multa de  R$ 130,16 e vão perder quatro pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O veículo também fica retido até o término do horário da proibição.

A mesma restrição vai valer em rodovias federais de pista simples nos três dias e horários informados acima.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade