Publicidade

Estado de Minas

Linha chilena faz paraglider motorizado cair e homem se fere no Sul de Minas

O homem caiu em um local de difícil acesso e foi encaminhado para o hospital. Os responsáveis pelo papagaio não foram encontrados


postado em 30/03/2019 19:49 / atualizado em 30/03/2019 20:20

O uso de linha chilena para soltar pipas quase provocou uma tragédia na tarde deste sábado. Um piloto de paraglider motorizado fazia um voo em Varginha, no Sul de Minas, quando o aparelho foi atingido pelo material cortante. O homem caiu em um local de difícil acesso e foi encaminhado para o hospital. Os responsáveis pelo papagaio não foram encontrados. Vale lembrar que o uso de cerol e linha chilena é crime em Minas Gerais.


De acordo com o Corpo de Bombeiros, testemunhas viram o momento em que o piloto foi atingido. “Este homem sempre faz uma rota frequente aqui na cidade. Pessoas estavam vendo ele voar e perceberam que tinha uma pipa enroscada no aparelho. Ele começou a rodar e caiu em um local de difícil acesso”, explicou o tenente Matheus Felipe Cimino Mota Rocha, dos bombeiros.

 

Viaturas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros, além do helicóptero da corporação, foram empenhados no socorro da vítima. “O homem foi socorrido consciente e orientado. Está com suspeita de fratura na perna esquerda e com dores na lombar”, afirmou o tenente.

 

A vítima foi encaminhada para o hospital da cidade. Militares tentaram localizar a pessoa responsável pela pipa que agarrou no paraglider, mas sem sucesso. Em Minas Gerais, a Lei Estadual nº 14.349 de 2002 prevê multa para os infratores, ficando esses sujeitos também a sanções cíveis e penais.




Publicidade