Publicidade

Estado de Minas

Caminhão invade contramão, arrasta veículos e para em barranco no Anel Rodoviário de BH

Três pessoas ficaram feridas no acidente e o trânsito é complicado nos dois sentidos do Anel na manhã desta sexta-feira


postado em 02/02/2018 08:59 / atualizado em 02/02/2018 12:23

Uma carreta carregada de minério invadiu a contramão, arrastou três carros e foi parar em um barranco no Anel Rodoviário, altura do Bairro São Gabriel, Região Nordeste de Belo Horizonte. Três pessoas se feriram no acidente, que complica o trânsito na via. 
 

De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMRv), Roberto Santos de Oliveira, de 69 anos, dirigia o caminhão que vinha de Sarzedo, na Grande BH, e não se feriu. Ele contou que transitava na pista do sentido Vitória e foi fechado por um veículo que trafegava na mesma direção.
Ver galeria . 9 Fotos Três pessoas se feriram no acidente. Houve registros de congestionamento nos dois sentidos do AnelPaulo Filgueiras: EM/ D.A Press
Três pessoas se feriram no acidente. Houve registros de congestionamento nos dois sentidos do Anel (foto: Paulo Filgueiras: EM/ D.A Press )
 

"Com isso, ele perdeu o controle da carreta, atravessou a mureta do Anel Rodoviário e colidiu com três veículos que estavam deslocando no sentido Rio de Janeiro, vindo a carreta e mais um carro a cair na ribanceira e mais dois veículos ficaram na pista," explicou o tenente da PMRv, André Muniz.
 
"Foi muito rápido, uma fração de segundos e o caminhão não para fácil. Eu saí fora da traseira dele (do carro que o fechou), ai a carreta 'galeou', eu passei para a contramão, tinha muitos carros subindo e não consegui evitar nada, foi sorte," disse o motorista que se apegou na fé no momento do acidente: "Falei assim 'estou morto' e pegando com Deus para não matar ninguém," contou Roberto, impressionado com a dimensão do acidente.

O Corpo de Bombeiros foi ao local e fez o resgate de três vítimas, que estavam nos carros atingidos pelo caminhão. Ninguém morreu. Duas vitimas estão em estado estável e um dos feridos teve uma fratura na perna.

"A dinâmica do acidente era para termos vítimas mais graves, mas graças a Deus não tivemos," disse André Muniz. O tenente informou, ainda, que procedimentos estão sendo feitos para que os motoristas envolvidos no acidente sejam submetidos ao teste do bafômetro. 

A Polícia Militar Rodoviária alerta para o trânsito lento na região. De acordo com os militares, a situação é mais complicada no sentido Rio de Janeiro. As faixas de trânsito estão interditadas para socorro das vítimas e remoção de veículos. 

Lentidão também é registrada no sentido Vitória. Segundo a corporação, o congestionamento já chega no entroncamento do Anel Rodoviário com a BR-381. 

* Sob supervisão da subeditora Jociane Morais

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade