Publicidade

Estado de Minas

Homem flagrado com cobra em cativeiro em área urbana de Uberlândia

A serpente, jiboia, da fauna silvestre brasileira, foi retirada de seu meio ambiente e mantida ilegalmente num aquário. Homem vai responder por crime ambiental


postado em 29/12/2017 21:46

Militares, depois de resgatarem a jiboia na área urbana, a levaram para uma mata (foto: PMMG/Divulgação)
Militares, depois de resgatarem a jiboia na área urbana, a levaram para uma mata (foto: PMMG/Divulgação)
Uma jiboia foi resgatada numa casa na área urbana de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, depois de uma denúncia anônima. A cobra era mantida em cativeiro por um homem de 33 anos, que ao perceber a chegada de policiais de Meio Ambiente tentou escondê-la numa mala.

Porém, durante a verificação, os policiais encontraram o animal silvestre no recipiente, numa prateleira na varanda aos fundos do imóvel. O homem então contou que a serpente, de mais de um metro, lhe foi entregue por um amigo e que não tinha qualquer autorização para mantê-la em cativeiro.

Com base no artigo 29 da Lei Federal 9605/98 (Crimes Ambientais), o homem foi relacionado em boletim de ocorrência da PM e vai agora responder por seus atos no Juizado Especial Criminal, por se tratar de infração de menor potencial ofensivo. Ele foi ainda multado em R$ 897,09. A serpente foi solta em uma área de mata.

De acordo com o sargento Eduardo Venâncio, a Polícia Militar de Meio Ambiente conta com apoio da população para que, quem tiver informação que esteja ocorrendo crime ambiental em sua localidade, que faça a denúncia de forma consciente e com maior número de detalhes pelo telefone 181 (disque denuncia, com ligação gratuita e anônima). 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade