Publicidade

Estado de Minas

Moradores de região próxima a local de acidente em Minas fazem protesto

Grave acidente próximo ao município de Serra do Salitre matou seis pessoas e deixou 47 feridas


postado em 02/09/2017 19:52

Cerca de 100 pessoas interditaram a BR-146, no município de Serra do Salitre, próximo ao local onde ocorreu um grave acidente na madrugada deste sábado (2), que matou seis pessoas e deixou 47 feridas. A manifestação cobrou mais segurança e sinalização para os motoristas no trecho, considerado com alto índice de acidentes.

O protesto, que interditou a rodovia nos dois sentidos, começou às 17h e durou cerca de duas horas. As informações são da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) de Minas Gerais.


Ao todo, 53 pessoas estavam no ônibus que, de acordo com a PRE, tombou sozinho em uma curva íngreme por volta da 1h. Dos seis mortos, quatro já foram identificadas pelas autoridades. Os 47 feridos foram encaminhados para hospitais dos municípios mineiros de Araxá, Patrocínio, Serra do Salitre e Patos de Minas. Até o momento, não foi divulgado um balanço sobre o estado de saúde dos hospitalizados, mas segundo a PRE, algumas pessoas estão em estado grave.

Além da indignação que levou ao protesto, a população local deu exemplos de generosidade. Logo de manhã, o Hospital Santa Casa de Patrocínio pediu doações em sua página no Facebook, informando que os feridos são pessoas carentes. No fim da tarde, porém, a instituição fez uma nova postagem para dizer que inúmeras pessoas levaram roupas, sapatos, produtos de higiene e alimentos.

"A solidariedade foi tanta que agora não serão apenas as pessoas que estavam no ônibus que receberão ajuda, mas tantas outras que precisam", informou o  hospital.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade