Publicidade

Estado de Minas

Funcionários da Samarco têm estabilidade garantida até abril

Mineradora propôs compromisso de manutenção dos empregos de cerca de 3 mil trabalhadores, que deverão avaliar se aceitam as propostas no próximo dia 15


postado em 07/01/2016 20:04 / atualizado em 07/01/2016 23:14

A retomada das negociações entre a Samarco e os empregados da mineradora garantiu mais tempo de estabilidade aos funcionários da empresa. Se aceitarem os termos acordados ontem em reunião com os sindicatos, os trabalhadores terão os empregos mantidos por pelo menos mais três meses. A Samarco se comprometeu a manter o quadro de cerca de 3 mil empregados até 25 de abril. O prazo originalmente previsto se encerraria em 1º de março.

Pela proposta negociada, a partir do dia 25 deste mês, os contratos de trabalho serão suspensos por três meses e todos os benefícios do acordo coletivo serão mantidos. Durante esse período, os empregados ficarão afastados de seus postos de trabalho e participarão de cursos de qualificação de mão de obra oferecidos pela empresa.

A mineradora pagará uma ajuda compensatória mensal, que, somada à bolsa de qualificação profissional prevista nessa modalidade de suspensão de contrato, garantirá o salário nominal dos empregados. A proposta será agora apresentada em assembleia aos trabalhadores para aprovação a partir do retorno deles às unidades, na próxima segunda-feira, 11/01.

De acordo com o presidente do Metabase, Ronaldo Bento, a proposta será apresentada aos trabalhadores no dia 15, na Vila Samarco. "A categoria pediu também que, se não ocorrer a volta às atividades após esse prazo, a empresa estenda a manutenção dos postos de trabalho por mais 90 dias (25 de julho)", disse Bento. O presidente do sindicato acredita que os trabalhadores vão aceitar a proposta.


Publicidade