Publicidade

Estado de Minas

Movimento de estudantes chega a São João del-Rei e reúne cinco mil pessoas na cidade histórica

Protesto foi pacífico, mas teve momento de tensão durante encontro com ônibus


postado em 18/06/2013 21:56

(foto: André Azevedo/Protesto SJDR)
(foto: André Azevedo/Protesto SJDR)

Nesta terça-feira, a cidade histórica de São João del-Rei reuniu cerca de cinco mil manifestantes que apoiam a onda de protestos que tomou conta do país. Eles fazem coro a outras cidades universitárias de Minas, como Lavras e Viçosa, que também recebem o movimento. A principal reivindicação do grupo, formado em sua maioria por estudantes, é a melhoria do transporte público que atende a cidade, com redução do valor da passagem, atualmente de R$ 2,25.

Durante o trajeto, não foi registrado nenhum incidente. De acordo com os próprios manifestantes, a Polícia Militar contribuiu para a movimentação do grupo pela cidade, interditando ruas e redirecionando o trânsito. O único momento de maior tensão ocorreu quando o grupo cruzou com um ônibus da empresa que realiza o transporte na cidade e alguns jovens discutiram com o motorista. No entanto, o bate-boca não foi adiante.

(foto: Mariana Ferreira/Protesto SJDR)
(foto: Mariana Ferreira/Protesto SJDR)


Protestos na segunda-feira

Nesta segunda, centenas de manifestantes se agruparam em Juiz de Fora, Viçosa e Alfenas para protestar, entre outros motivos, contra a violência dos policiais nas grandes cidades, o dinheiro público destinado à realização dos eventos esportivos da FIFA, o preço das passagens de ônibus e a corrupção.

Outras cidades com universidades federais também agendaram manifestações para o decorrer desta semana. Em Lavras, o evento está marcado para a próxima quinta-feira.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade