Publicidade

Estado de Minas ENERGIA LIMPA

Quiosque solar muda rotina de comunidade que vive em "isolamento energético" na África


postado em 16/08/2012 10:46 / atualizado em 16/08/2012 12:31

O quiosque recebe luz solar durante o dia que é convertida em energia elétrica(foto: Reprodução / gizmag.com)
O quiosque recebe luz solar durante o dia que é convertida em energia elétrica (foto: Reprodução / gizmag.com)
No mundo inteiro, mais de 1 bilhão de pessoas ainda não possuem energia elétrica. Vivem no chamado "isolamento energético", sem os recursos que a eletricidade podem oferecer. À noite, a única fonte de luz são os lampiões de querosene. Na África, especialmente na Etiópia, assolada por guerras civis, secas e problemas de abastecimento de comida, esta realidade é ainda mais dura. Em um remoto vilarejo no interior da Etiópia, a 200km da capital Adis Abeba, este cenário começou a mudar há alguns dias, graças ao Solarkiosk. Produzido pela empresa alemã SolarKiosk GmbH, este quiosque possui painéis fotovoltaicos no seu teto, que absorvem energia solar durante o dia, transformando em energia elétrica durante a noite. Quando escurece, o quiosque se torna o único ponto iluminado do vilarejo e inevitavelmente, uma atração local, onde as pessoas se encontram. Além disso, a energia limpa produzida alimenta uma geladeira comunitária, onde podem ser guardados alimentos e remédios da população. O quiosque se tornou também um ponto de comércio noturno, onde são vendidos alimentos, pilhas, lanternas, bebidas, cartões de celular, possibilitando a todos oportunidade de assistirem televisão, escutarem rádio e claro, recarregar a bateria do celular. O objetivo dos criadores é expandir os quiosques para outras regiões remotas do continente, além da própria Etiópia. Para isso, a empresa busca apoio de investidores e ONGs.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade