Publicidade

Estado de Minas

Comissão julgadora e advogados aguardam réus para dar início ao julgamento


postado em 19/11/2012 09:01 / atualizado em 19/11/2012 11:57

A juíza Maríxa Rodrigues já está na sala do júri aguardando os réus para dar início ao julgamento de Bruno, Macarrão, Dayanne, Fernanda Gomes, e Bola, acusados de envolvimento no desapareimento de Eliza Samudio. O promotor do Ministério Público, Henry Vasconcelos, chegou ao Fórum Doutor Pedro Aleixo, em Contagem, por volta das 8h50, e também já está na sala do julgamento.

Os 25 jurados convocados foram encaminhados para a sala onde aguardam o sorteio que irá defiinir aqueles que irão compor a comissão julgadora. Dos 25 nomes, somente sete serão escolhidos.

O advogado Ércio Quaresma chegou por volta das 8h30 e não falou com a imprensa. Ele também já está na sala do júri aguardando o início do julgamento. A advogada da Fernanda Gomes, Carla Cilene, também chegou ao local.

Na plateia, cinco estudantes de direito e jornalistas acompanham a movimentação dentro da sala. A expectativa agora e para a chegada dos réus.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade