Publicidade

Estado de Minas CARREIRA

Você sabe quais são as habilidades mais exigidas dos profissionais em 2019?

Escola de cursos on-line sobre inovação e empreendedorismo lista 10 capacidades requisitadas este ano e explica o que são e para que servem cada uma delas


postado em 03/03/2019 10:00 / atualizado em 01/03/2019 15:27

(foto: 089photoshootings/Pixabay)
(foto: 089photoshootings/Pixabay)

 
Cada vez mais, tem sido comum grandes empresas buscarem colaboradores com habilidades específicas, não apenas com formações tradicionais e títulos de graduação. Recentemente, o LinkedIn, plataforma de relacionamentos profissionais, reuniu 10 habilidades mais solicitadas no mercado e a Descola.org, especializada em cursos on-line voltados para empreendedorismo e inovação, explica cada uma delas:

1 – Criatividade: diferentemente do que se pensa, a criatividade é uma habilidade cada vez mais solicitada para todas as áreas profissionais e não significa somente realizar coisas artísticas, mas também apresentar soluções sob uma nova perspectiva ou enxergar caminhos alternativos e inexplorados, saindo do óbvio.

2 – Persuasão: habilidade importante para quem lida diretamente com o consumidor, para convencê-lo de que seu produto ou serviço é melhor do que os demais ou essencial para ele apresentar seu diferencial. A persuasão é uma tendência e poucos sabem utilizá-la.

3 – Colaboração: é importante saber trabalhar em equipe. Além de impactar nas relações internas, auxilia com futuras parcerias. Saber lidar com o coletivo e ajudar os outros a cumprirem seus objetivos também influencia o produto final da empresa.

4 – Adaptabilidade: a rapidez com que as mudanças ocorrem neste novo mundo cria a necessidade de ter uma equipe que não resista a essas alterações e se adapte a conceitos e metodologias novas.

5 – Gerenciamento de tempo: capacidade de planejar e ter o controle total de suas funções e de tempo, otimizando seu horário.

6 – Cloud computing: habilidade de pensar e desenvolver serviços que funcionem de forma on-line, sem a necessidade de que o usuário baixe em seu computador, como o caso de editores de texto, por exemplo.

7 – Inteligência artificial: uma tendência é saber "ensinar" as máquinas, domar a inteligência artificial e mostrar quais padrões ela deve seguir.

8 – Raciocínio analítico: pode ser entendida como a capacidade de construir um raciocínio com argumento. Pessoas com essas características são capazes de tomar decisões mais assertivas e são menos influenciadas por achismos.

9 – Gestão de pessoas: habilidade de gerenciar pessoas e criar ambientes saudáveis para os colaboradores, seja no espaço físico ou o sentimento que o lugar desperta.

10 – Design de UX: consiste em desenhar a experiência do usuário com um determinado serviço ou produto, certificando-se de que os canais de contato serão satisfatórios. Essa questão é utilizada, principalmente, em empresas on-line.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade