Publicidade

Estado de Minas

BRB é autorizado a realizar concurso com 113 vagas neste ano

A informação foi dada pelo governador do DF, Ibaneis Rocha, durante evento no Palácio do Buriti


postado em 08/02/2019 15:11

(foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)
(foto: Breno Fortes/CB/D.A Press)
Em evento no Palácio do Buriti na tarde desta sexta-feira (8/2), o governador Ibaneis Rocha (MDB) autorizou o lançamento de concurso público do BRB com 113 vagas, de vários cargos, ainda para 2019. A publicação do edital está prevista para abril e a empresa responsável pelo certamente será contratada em março. 

Além das posições imediatas, o BRB pretende formar cadastro de reservas com mais de 2 mil vagas para a convocação ainda na vigência do concurso. Os primeiros aprovados, segundo a instituição, devem ser convocados em 2019. 

Segundo o diretor-presidente Paulo Henrique Costa, a abertura de concurso demonstra o investimento no fortalecimento do BRB. “Para que os pensavam e apostavam em privatização e enfraquecimento do banco público, isso mostra que nossa agenda é outra”, esclareceu. 

Costa ressaltou também que esse novo concurso demonstra que a instituição está se preparando para assumir protagonismo no DF, com foco em inovação e na valorizaçao de profissionais do banco. " O BRB tem uma agenda de expansão. Queremos aumentar a nossa participação no mercado e, por isso, o lançamento do concurso público é elemento fundamental nessa estratégia", afirmou.

Diferente das últimas edições, o novo certame deve exigir mais conteúdos e competências ligados à inovação e ao mundo digital. "O obejtivo é transformar o BRB em um banco mais ágil e mais moderno, como foco na melhora do atendimento dos nossos clientes. Dessa forma, temos intenção de selecionar profissionais com habilidades compatíveis aos novos desafios do mercado financeiro", ressaltou o presidente do banco. 

Todos os detalhes serão divulgados na publicação do edital.

Expectativa

Em agosto de 2018, o BRB já havia anunciado a previsão de um novo certame. Os cargos possivelmente contemplados são os de analista de TI e para a carreira de Segurança e Saúde no Trabalho (SESMT).  Para o cargo de analista de TI, o salário inicial é de R$ 7.324.

O último edital para analistas de TI foi aberto em 2013 e ofereceu 10 vagas, com remuneração de R$ 4,8 mil. Além do salário, a instituição financeira pública do Distrito Federal ainda oferece promoção por antiguidade anual; possibilidade de promoção por merecimento; concessão de cinco abonos-assiduidade ao ano; possibilidade de ascensão e  desenvolvimento  profissional;  participação nos lucros e resultados,  nos  termos  da  legislação  pertinente  e  acordo  sindical  vigente;  possibilidade  de  participação  em plano  de  saúde  e  em  plano  de  previdência  complementar;  auxílio refeição/alimentação; auxílio cesta-alimentação; auxílio natalidade e prorrogação de licença maternidade; e auxílio creche.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade