Publicidade

Estado de Minas

Conheça Yasmin Melo, a mulher que revolucionou o mercado dos promotores de crédito


postado em 31/01/2020 19:13

Com o objetivo de capacitar esse público e inovar a forma de vender empréstimos, o Movimento Gigantes do Consignado criado por Yasmin já colhe bons frutos 

Divulgação / MF Press Global
Divulgação / MF Press Global

De Campinas, interior de São Paulo, a empresária Yasmin Melo experimentou o declínio do mercado dos promotores de crédito profissionais responsáveis pela intermediação cliente/banco. Com o incremento de novas tecnologias e o surgimento das fintechs, a profissão de correspondente bancário, que antes era altamente lucrativa, esbarrou nas facilidades digitais, que hoje permitem que o cliente faça empréstimos com apenas um clique, direto do celular e sem sair de casa.

Porém, a visão de que o mercado mudaria já era prevista por ela a muito mais tempo. Com mais de 10 anos de experiência, Yasmin conta que desde a faculdade notava que a profissão precisava passar por uma reformulação. "Percebi que tudo que trabalha com intermediação tende a sair do mercado, ainda mais os correspondentes bancários que ainda trabalhavam de maneira arcaica", aponta.

 Yasmin Melo /Divulgação / MF Press Global
Yasmin Melo /Divulgação / MF Press Global

Mas só depois que veio a crise, Yasmin entendeu o que precisava fazer. Assim, ela começou a reunir profissionais em prol do mercado. Nascia o Movimento Gigantes do Consignado.  

O Movimento Gigantes do Consignado tem como objetivo principal, mudar a forma como os profissionais de crédito vêem o mercado. "Nós ajudamos esses correspondentes a se reinventar nos seus negócios por meio da inovação e do desenvolvimento de Mindeset. As estratégias vão de nível emocional até formas inovadoras de vender", diz Yasmin.  

Reconhecimento

O movimento tomou grandes proporções, tanto que hoje Yasmin Melo ministra eventos que levam experiência, network, estratégias e inovação para promotores de todo o país. Gigantes promotoras de créditos e bancos já reconheceram o projeto e inclusive abraçam a causa. "Isso começou a ser promissor, porque grandes lideres viram futuro no que estávamos fazendo" orgulha-se.  

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade