Publicidade

Estado de Minas

Sérgio Reis está de volta a BH e quer 'matar a saudade dos mineiros'

O cantor e compositor vai se apresentar no sábado (14), no Palácio das Artes, ao lado dos filhos Marco e Paulo Bavini. 'Adoro o público de Minas, que abusa de mim e me mima muito', afirma ele


postado em 13/12/2019 04:00 / atualizado em 11/12/2019 16:26

(foto: Eduardo Galeno/Divulgação)
(foto: Eduardo Galeno/Divulgação)
Dono de vários hits – entre eles Menino da porteira, Chalana e Chico Mineiro –, Sérgio Reis chega a BH com a turnê Questão de tempo, nome do álbum que ganhou o Grammy Latino na categoria música sertaneja. Ele vai se apresentar sábado (14), no Palácio das Artes.

“Este show é para matar a saudade dos mineiros e das mineiras. Já tinha um bom tempo que não me apresentava em BH. Chegou a hora”, diz Sérgio, prometendo uma noite alegre aos fãs. “O Palácio das Artes é um local clássico para o artista se apresentar, com ótima acústica. Adoro o público de Minas, que abusa de mim e me mima muito.”

Ao lado dele estarão dois filhos – Marco Bavini (guitarra) e Paulo Bavini (violão) –, além de Gaúcho (bateria), Luizinho (sanfona), Cleiton (violão), Eliseu (guitarra) e Levy (baixo). Sérgio está gravando um disco, que será lançado em 2020. Guilherme Arantes, Ivan Lins, Sá & Guarabira e Zé Ramalho participam de seu novo projeto.

“Aconteceu o seguinte: quando comuniquei aos compositores que gravaria uma canção deles, me respondiam: 'Então vamos gravar com você'. E assim foi”, revela. Sérgio promete antecipar algumas dessas músicas no show de sábado. “O álbum só tem clássicos. Foi produzido por meu filho Marco, que já ganhou dois prêmios Grammy. Deve ganhar outro com esse disco, acredito, porque ficou muito bom. Ele é danado.”

Aos 79 anos, Sérgio tem quatro estatuetas do Grammy na estante. “Quando a gente vai lá receber o prêmio, eles pedem para colocarmos todas as medalhas. Da última vez, apareci com as quatro penduradas no pescoço, uma loucura”, diverte-se.

O músico conta que a apresentação de BH é a primeira de uma série de shows que fará pelo país. “A gente não para. Esta é a vida do músico. Vamos continuar nos apresentando por várias cidades desse mundão afora. Ano que vem, faremos outra turnê para lançar o novo disco, que ainda não tem nome”, avisa.

SÉRGIO REIS 
Grande Teatro Cemig Palácio das Artes. Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro. Sábado (14), às 21h. Inteira: R$ 90 (plateia 1), R$ 70 (plateia 2) e R$ 50 (plateia superior). Meia-entrada na forma da lei. Informações: (31) 3347-7895.
















receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade