UAI
Publicidade

Estado de Minas STREAMING

Nova temporada de 'A máfia dos tigres' tem mais máfia do que tigres

Novos episódios da série sobre criadores de animais de grande porte estreia cercada de mais polêmicas e disputas entre protagonistas e a Netflix


12/11/2021 04:00 - atualizado 12/11/2021 07:18

Homem de boné e jaqueta zebrada sentado em poltrona com imagem de mulher recostada em sofá ao fundo
Segunda temporada de 'A máfia dos tigres' estreia cercada de mais polêmicas e disputas entre protagonistas e a Netflix (foto: NETFLIX/DIVULGAÇÃO)

Quando a primeira temporada da série documental “A máfia dos tigres” estreou na Netflix, no ano passado, logo se transformou em um hit – foi vista por mais de 34 milhões de pessoas, só nos Estados Unidos, em 10 dias de exibição. 


O personagem que alinhava as histórias da primeira parte da atração, Joseph Maldonado-Passage, conhecido como Joe Exotic, fundador de um zoológico particular com mais de 200 tigres, está de volta na segunda temporada. E mais polêmicas estão previstas.

ACUSAÇÃO

Na leva inicial de episódios, ele foi acusado de mandar matar a ativista Carole Baskin – que se diz defensora dos animais e é CEO da ONG Big Cat Rescue, mantenedora de um santuário para grandes felinos próximo à cidade de Tampa, na Flórida –, afora a lista de atrocidades que cometeu, juntamente com seus companheiros, que gastam astronômicas quantias para manter o excêntrico hobby.  

Condenado a 22 anos de prisão por duas tentativas de assassinato contra Carole Baskin e abusos de animais, Exotic aparece na cadeia na nova temporada. No trailer, há uma cena dele encarcerado fazendo uma ligação a cobrar. No início deste mês, ele declarou que está com um câncer agressivo na próstata. Afirmou, ainda, em postagem no Instagram, que planeja pedir à Justiça americana que seja libertado para fazer tratamento. "Não há razão para o promotor distrital arrastar isso (a decisão), para que eu possa ir para casa e fazer tratamento sozinho ou aproveitar a vida que deixei com meus entes queridos!".

Já Carole Baskin também voltou recentemente à cena. Com o marido, Howard Baskin, ela entrou com um processo contra a Netflix para tentar impedir o lançamento da segunda temporada. As acusações são de uso indevido da imagem do casal para os novos episódios — e o streaming respondeu à queixa afirmando que as acusações “não têm mérito”.



Em documentos divulgados pela revista “People”, a plataforma de streaming respondeu oficialmente às acusações do casal no processo afirmando que o contrato originalmente assinado para a primeira temporada de “A máfia dos tigres” "permitia explicitamente o uso do material capturado durante as filmagens em projetos futuros".

“A MÁFIA DOS TIGRES”

• A segunda temporada, com cinco episódios, estreia na próxima quarta-feira (17/11), na Netflix


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade