Publicidade

Estado de Minas

Vozes do Interior reúne artistas contemporâneos do Sul de Minas

Primeira etapa do Composição Ferroviária, tradicional projeto cultural da região, começa neste domingo (20/06). Entre os shows, está o de Tutuca


19/06/2021 04:00

(foto: Vanusa Campos/divulgação)
(foto: Vanusa Campos/divulgação)
O Composição Ferroviária, um dos projetos culturais mais tradicionais do Sul de Minas, realiza em junho duas edições especiais. Por causa da pandemia, a iniciativa reúne de forma virtual performances de 22 artistas da região com shows que movimentam estações de trem de Poços de Caldas, São Lourenço e Itaúna desde 2014, ao longo de 34 edições. A primeira etapa será realizada neste domingo (20/06), com o Vozes do Interior, que apresenta o cancioneiro de artistas contemporâneos do Sul do estado. Já em 27 de junho, vai ao ar o Canto para Manter Viva nossa Arte, com Ceumar, Sergio Santos e Simone Guimarães. As transmissões acontecem via YouTube (@mecenariabrasil), aos domingos, às 10h.

• • •

A ideia foi trazer ao Composição dois projetos de perfis diferentes. O Vozes do Interior estreou em 2017, no Palácio das Artes, mostrando a qualidade de artistas de diferentes cidades do Sul de Minas: Casquideo (Alfenas), Clayton Prósperi (Três Pontas), Deivid Santos (Poços de Caldas), Eduardo Sueitt (Andradas), Ismael Tiso (Três Pontas), Jucilene Buosi (Poços de Caldas), Omar Fontes (Itajubá), Rafael Toledo (Pouso Alegre), Raimundo Andrade (Varginha), Tutuca (Alfenas) e Wolf Borges (Poços de Caldas). Ao mesmo tempo em que explicita as influências culturais da região, o trabalho desse time dialoga com gêneros e temáticas diversas, chegando ao Composição Ferroviária 2021 com trabalhos inéditos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade