Publicidade

Estado de Minas SURPRESA

Na pandemia, os Rolling Stones remexem em seu baú

E tiram de lá do fundo uma faixa gravada há quase 50 anos, com a participação de Jimmy Page. %u2018Scarlet%u2019 foi liberada pela banda nas plataformas digitais na noite de quarta-feira (22)


24/07/2020 04:00

Os Rollings Stones se apresentam no Texas, em julho do ano passado. Pandemia do novo coronavírus interrompeu turnê da banda(foto: Suzanne Cordero AFP)
Os Rollings Stones se apresentam no Texas, em julho do ano passado. Pandemia do novo coronavírus interrompeu turnê da banda (foto: Suzanne Cordero AFP)
Mick Jagger afirmou que a primeira lembrança que tem é de Jimmy Page e Keith Richards tocando no estúdio de Ronnie Wood. Já Richards se recorda dos Rolling Stones entrando em uma sessão de estúdio logo depois do Led Zeppelin, e Page teria decidido ficar.

Enfim, 46 anos mais tarde, pouco importa qual seja a lembrança correta. O que conta é que os Stones, mais uma vez durante a pandemia do novo coronavírus, surpreendem meio mundo ao lançar uma nova faixa.

Nova é um tanto exagerado para falar de Scarlet, já disponível nas plataformas de streaming. Inédita é a palavra correta, pois a gravação que une os Stones a Jimmy Page permanecia guardada, quase 50 anos depois de ter sido feita. 

O registro, de outubro de 1974, estará presente no relançamento de Goats head soup (1973).  Prevista para o próximo dia 4 de setembro, a nova edição do álbum terá ainda outra faixa inédita da mesma época, Criss Cross, que veio a público no início deste mês. O lançamento terá 10  faixas bônus.

CORAÇÃO 

"Scarlet, por que você está rasgando meu coração em pedaços?/Não é assim que deveria ser", canta Jagger no refrão da música sobre uma garota que está fazendo misérias com ele. É um registro cru, com alguma influência de reggae, mas marcado realmente pela profusão de guitarras. 

Como que brincando de gato e rato, estão as guitarras de Richards, com seu característico riff rítmico e repetitivo, e as intervenções de Page, sempre límpidas e marcantes. Um boato de meados dos anos 1970 dava conta de que Richards estaria colaborando com Page em um álbum solo. Scarlet seria fruto deste encontro que nunca se concretizou.

A música é a terceira inédita que os Stones lançam durante a pandemia. Living in a ghost town, que saiu em abril, é, além de inédita, realmente nova, a primeira da banda em oito anos. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade