Publicidade

Estado de Minas MÚSICA

Cantora Marília Mendonça é a campeã de lives do Brasil

Rainha da sofrência atraiu 3,2 milhões de espectadores ao cantar hits no YouTube, superando a audiência da dupla Jorge e Mateus. Nesta sexta (10), o mineiro Djonga se apresenta às 21h


postado em 10/04/2020 04:00

* Frederico Gandra

Marília Mendonça gravou live exclusiva para o YouTube, na quarta-feira (8), e bateu recorde de audiência, com cerca de 3,2 milhões de espectadores simultâneos. A estrela sertaneja deixou para trás a dupla Jorge e Mateus, que registrou 3,1 milhões de views na semana passada. O show virtual da cantora durou três horas e meia, com repertório escolhido pelos fãs.
 
A apresentação teve o objetivo de arrecadar doações para a compra de testes rápidos do novo coronavírus, além de contribuir para o projeto Mesa Brasil Sesc, voltado para a alimentação de populações carentes. Marília cantou uma coleção de hits: Serenata, Graveto, Supera, Passar mal e Ciumeira, entre eles. Também dançou e interagiu com o público, reagindo aos comentários postados pelos fãs.
 
A live foi um dos assuntos mais comentados do Twitter. A plateia de celebridades reuniu Neymar, Rafael Portugal, Sabrina Sato, Iza, Bruna Marquezine, Gusttavo Lima, Pabllo Vittar e Michel Teló. “Já tô na terceira garrafa de whisky... Que isso Marília Rainha”, tuitou Gusttavo. “O brasileiro que não tá vendo a #LiveLocalMariliaMendonça tá sendo brasileiro errado!”, ironizou Rafael Portugal, humorista do Porta dos Fundos.
 
Um vídeo com trechos da coletiva do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, na quarta-feira, foi exibido. “Nós, como fãs de seu trabalho, ficamos mais fãs aqui no Ministério da Saúde por você estar fazendo (essa live) e não estar aglomerando as pessoas” afirmou Mandetta.
 
Evitando a aglomeração de pessoas, que rendeu críticas à live da dupla Jorge e Mateus por desobedecer à determinação de autoridades da saúde, Marília cantou sem banda, apenas com playbacks. De acordo com os organizadores, a equipe dela contou com oito pessoas.
 
Caio Pires, de 22 anos, estudante da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), gostou da live. Ele já foi a três shows – presenciais – da artista. “Foi uma oportunidade de ver o lado mais humano da Marília. Teve momentos em que ela errou a letra, saiu para ir ao banheiro, tirou o tênis e colocou chinelo. Cenas que não vemos nos shows. Foi muito bacana”, afirmou.
 
Caio acompanhou o show junto de sua turma, todos conectados virtualmente. “Fiquei ligado da primeira à última música e me diverti muito. Fui comentando com os amigos, mandando áudios e gravando vídeos. Neste momento, é uma forma da gente se unir”, destacou.
Depois da apresentação, Marília agradeceu o apoio dos fãs. “Que isso Brasil! Muito obrigada pela companhia de vocês, obrigada por todas doações e a todo mundo que me assistiu. Foi lindo demais”, postou.
 
Desde o início da quarentena, diversos sertanejos adotaram lives para fazer apresentações exclusivas, contando com apoio do YouTube e de patrocinadores. Gusttavo Lima, Michel Teló, Wesley Safadão, Jorge & Mateus e Xand Aviões são alguns deles.
 
Nos próximos dias, estão agendadas lives de Bruno & Marrone, Zé Neto & Cristiano, Felipe Araújo e Gusttavo Lima. “Gosto muito de sertanejo e já estou com o calendário dos shows. Pretendo não perder nenhum”, afirma o animado Caio Pires.

* Estagiário sob supervisão da 
editora-assistente Ângela Faria
 
(foto: Divulgação)
(foto: Divulgação)
 
DJONGA

O rapper mineiro Djonga (foto), que acaba de lançar o disco Histórias da minha área, promete fazer live nesta sexta-feira (10), às 21h, em seu canal do YouTube. Diz ele que pretende homenagear os fãs, “que deveriam ser chamados de Testemunhas de Djonga”. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade