Publicidade

Estado de Minas ANTENA

Tostão recorda breve e vitoriosa carreira na série 10x10

Craque e ídolo mineiro fez história no Cruzeiro nos anos 1960 e na Seleção Brasileira tricampeã mundial


postado em 02/04/2020 04:00

(foto: CURTA!/DIVULGAÇÃO)
(foto: CURTA!/DIVULGAÇÃO)

Em apenas 10 anos de carreira, encerrada precocemente, o ex-jogador mineiro Tostão fez história no Cruzeiro (foto) e na Seleção Brasileira. O craque é o homenageado na série documental 10x10 – Os donos da camisa, que vai ao ar nesta quinta-feira (2), às 19h30, na TV Brasil. Maior artilheiro da história do time celeste, o centroavante converteu mais de 240 gols pela Raposa e marcou época ao fazer parceria nos gramados com Dirceu Lopes.  Tostão se destacou no início dos anos 1960 pela sua inteligência dentro de campo. A série resgata algumas das principais jogadas e gols importantes do talentoso ídolo cruzeirense que jogou com as camisas número 8 e 9, mas poderia ter vestido a  10 com louvor. Além do depoimento do ex-jogador, a série tem a participação de convidados especiais e amigos que comentam as façanhas de Tostão registradas pelas lentes do Canal 100 e com a narrativa de Chico, ex-cinegrafista que recorda momentos épicos do craque.

• • •

Os feitos do jogador sempre foram significativos. Tostão formou com Dirceu Lopes uma das duplas de maior talento no futebol brasileiro de todos os tempos. A parceria é comparada a outras memoráveis, como Pelé e Coutinho, no Santos, e Gerson e Jairzinho, no Botafogo. O Cruzeiro, de Tostão, bateu o Santos, de Pelé, por uma implacável goleada de 6 a 2 na final da Taça Brasil de 1966. A equipe mineira desafiou a paulista bicampeã da Copa Libertadores e do Mundo (1962/1963) e então pentacampeã do Campeonato Brasileiro (Taça Brasil). Além das conquistas pela Raposa, Tostão se consagrou na Seleção Brasileira. Ainda garoto, estreou com a Amarelinha em 1966 e disputou apenas uma partida na Copa do Mundo daquele ano, na Inglaterra. Protagonista, ele brilhou ao lado de Pelé, Gerson e Jairzinho no tricampeonato mundial no México, em 1970.

• • •

Considerado um dos líderes de 1970 na Seleção, Tostão foi comparado a Pelé como novo Rei do Futebol, mas, humilde, sempre rejeitou esse rótulo. Após descolamento de retina no início da década de 1970, o cruzeirense pendurou as chuteiras aos 25 anos. Fez medicina e também se tornou comentarista de futebol. A série 10X10 resgata acervo de imagens raras do Canal 100 para revelar às novas gerações jogadas e momentos da carreira de 10 atletas que se destacaram no futebol brasileiro, como Ademir da Guia, Dida, Gerson, Jairzinho, Pelé, Rivellino, Roberto Dinamite, Dirceu Lopes e Zico.

(foto: A&E/divulgação)
(foto: A&E/divulgação)

GERAÇÃO BEAT
DOCUMENTÁRIO

Na faixa Quinta do pensamento, às 21h30, o Curta! Exibe o documentário A influência da geração beat (foto).”O filme mostra como a amizade de Jack Kerouac, Allen Ginsberg e William Burroughs originou o movimento literário da geração beat. Do início em Nova York, no final da Segunda Guerra Mundial, até o fim, 15 anos depois, com a publicação de Howl (Ginsberg), On the road (Kerouac) e Naked lunch (Burroughs). O trio criticou a literatura, lançou as sementes da contracultura e influenciou o estilo de vida das gerações que viriam depois.  A direção é de Xavier Villetard.


CRIMES ANTIGOS
COLD CASE 

Estrelada por Kathryn Morris, como a agente Lily Rush, Cold case (foto) acompanha o trabalho da Divisão de Homicídios da Filadélfia responsável por solucionar crimes antigos não resolvidos – de anos ou até mesmo décadas atrás. O A&E exibe dois episódios inéditos da série nesta quinta, às 21h10 e às 22h, intitulados A estrada e Reputação ruim, respectivamente. 

TURNÊ DE ANIVERSÁRIO
THE WHO

O Bis exibirá o show The Who: Quadrophenia – Live at Wembley, nesta quinta-feira (2), às 21h. Para comemorar o 40º aniversário do álbum Quadrophenia, a turnê aclamada pela crítica e de grande sucesso terminou na Wembley Arena, em Londres. A lista de músicas conta com sucessos como Baba O'Riley, Won't get fooled again e Who are you.

MAUS ASSALTANTES
DEU RUIM

A produção original Deu ruim estreia nesta sexta-feira (3), às 22h30, no canal TNT. No filme, Marlon e Leo são dois homens com problemas financeiros e sem nenhuma experiência no mundo do crime. Eles decidem assaltar uma casa em um condomínio fechado. Mas, quando conseguem entrar, Marlon ativa acidentalmente o alarme do imóvel e ambos ficam presos. Para piorar a situação, eles encontram Darcy, que está cuidando do local.

FILMES DE AVENTURA
SELEÇÃO

Entre hoje (2) e 12 de abril, o AMC exibe diversos filmes de aventura no especial #Adventuresfest. A sessão começa com Bem-vindo à selva, nesta quinta, às 20h45, seguido por Os caça-fantasmas, às 22h30. Já amanhã (3), será a vez de MIB: Homens de preto (20h35) e As Panteras: Detonando (22h30).


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade