Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Guerra divina agita a segunda temporada da série Deuses americanos

Na atração da Amazon Prime Video, Shadow Moon (Ricky Whittle) e Odin (Ian McShane) incitam um conflito de consequências imprevisíveis


postado em 07/06/2019 04:09

Ian McShane e Ricky Whittle intepretam Odin e Shadow na série Deuses americanos (foto: Amazon Prime/divulgação)
Ian McShane e Ricky Whittle intepretam Odin e Shadow na série Deuses americanos (foto: Amazon Prime/divulgação)

– Perdi a minha luz. É o que minha mãe teria dito. Mas Wednesday... Odin está me ajudando a lembrar. Está me dando a chance de ser digno da fé e das crenças inabaláveis que minha mãe tinha em mim. Então, por que não o deixam ajudá-los? Simplesmente o ajudem. Ajudem-no a lembrar as pessoas que vocês são. Recupere a fé de seu Criador e aproveite a oportunidade!

Essas palavras são de Shadow Moon (Ricky Whittle). Mais confiante, ele ajuda Mr. Wednesday (Ian McShane), o deus nórdico Odin, a vender a ideia da guerra contra as novas divindades para os deuses antigos, no começo da segunda temporada de American gods (Amazon Prime Video).

Nessa tarefa, a dupla está acompanhada pela ex-mulher morta-viva de Shadow, Laura Moon (Emily Browning), que tenta reconquistá-lo, e do cômico (e agora azarado) duende Mad Sweeney (Pablo Schreiber), que ainda não conseguiu recuperar sua moeda da sorte das entranhas de Laura – o que a mantém viva.

Do outro lado, Mr. World (Crispin Glover) planeja um contra-ataque, enquanto Technical Boy (Bruce Langley) é incumbido da missão de procurar Mídia. O sumiço dessa personagem tem motivo: de acordo com o jornal Los Angeles Times, a atriz Gillian Anderson deixou o elenco devido à saída de Bryan Fuller e Michael Green do comando da série, que no Brasil ganhou o título Deuses americanos.

* Estagiária sob supervisão da editora-assistente Ângela Faria


DEUSES AMERICANOS
• Segunda temporada
• Amazon Prime


Publicidade