Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Novidade culinária


postado em 20/05/2019 04:06


A primeira vez que provei fish n’chips foi em Londres, em pleno Picadilly. Estava estreando a Europa e achei a maior esquisitice aquele tipo de comida. Primeiro, na rua, aqui só se comia assim, com as mãos, nas praias. E depois aquele canudo feito de jornal, para suportar aquela mistura de pedaços de peixe frito à milanesa e batatas bem crocantes. Não resisti e resolvi provar e aprendi logo que aquele tipo de alimentação era comum em todos os lugares de Londres, até naqueles concertos em parques, onde carinhos vendiam a comidinha. E certamente era uma experiência nova ouvir orquestra sinfônica de primeira comendo a delícia inglesa. Fiquei fã, mas os brasileiros custaram adotar esse tipo de refeição ligeira. Agora, fico sabendo que existe uma rede, Fish n’Chips, que é referência em Curitiba, São Paulo, Brasília e Florianópolis e que está chegando a Belo Horizonte no mês que vem. A unidade se chama Sirène, nome que é uma homenagem ao Delirium Café, aquela cervejaria tradicional de Bruxelas que serve a bebida em grandes copos redondos – e as coloridas sempre fazem sucesso.

A empresa é consolidada como a maior rede de Fish & Chips da America Latina. O Sirène chega a Belo Horizonte com sua versão standard (a mais completa), com 120m², que será implantada na Rua Sapucaí, que se tornou ao longo dos anos um dos principais polos de entretenimento da capital. No Sirène, o público belo-horizontino terá a oportunidade de saborear o incrível fish & chips que ganhou o país, servido em um cone (pequeno ou grande), com peixe frito empanado e batatas fritas deliciosas. Além disso, o preparo pode ser acompanhado por várias opções de molhos especiais, entre eles tártaro, picante, barbecue e maionese da casa.

Existe a possibilidade também de pedir um cone só com peixe frito empanado (Só fish) ou só com batatas rústicas fritas (Só chips). Para não errar ou para aproveitar a chegada a BH, a empresa vai além. Para quem procura algo diferente da tradicional receita inglesa, o empreendimento oferece o Sandufish, sanduíche exclusivo da casa preparado com peixe empanado, pão baguete, cebola caramelizada, molho tártaro e rúcula. Outra opção é a batata doce frita servida em tiras com um toque de açúcar e canela. Propondo uma harmonização completa, a casa trabalha com várias opções de cervejas artesanais nacionais, fornecidos por algumas das principais cervejarias do Brasil.

Para quem quer experimentar antes da especialidade chegar aqui, a receita e o preparo são mais do que simples. Para o peixe, são precisos 300g de peixe branco cortado em tiras (pescada é legal); óleo para fritar, ½ xícara de farinha de trigo; ½ xícara de cerveja pilsen. 1 gema; 1 clara em neve; 1 colher de chá de fermento em pó; sal e pimenta moída na hora. Para a batata frita: batata asterix grande cortada em palitos grossos (pode ser qualquer outro tipo batata);sal; óleo para fritar. Para preparar: misture a farinha com o fermento. Junte a cerveja e a gema, misture bem. Adicione a clara em neve, misture até ficar homogêneo. Tempere com sal e pimenta do reino. Mergulhe o peixe na massa e frite em óleo quente.


Publicidade