Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Unesco aprova a criação do Dia Mundial da Língua Portuguesa

Proposta partiu do político mineiro José Aparecido de Oliveira, quando era embaixador do Brasil em Portugal


postado em 03/02/2020 04:00

 (foto: Jefferson Pinheiro/CB/D.A Press)
(foto: Jefferson Pinheiro/CB/D.A Press)

Na semana passada, a Unesco finalmente aprovou a criação do Dia Mundial da Língua Portuguesa, sugerida pelo embaixador José Aparecido de Oliveira, mineiro de Conceição do Mato Dentro, quando da instalação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, em Lisboa, onde era embaixador do Brasil. A data de 5 de maio foi escolhida oficialmente e será devidamente comemorada em nações que falam português. Atualmente, o idioma de Camões é compartilhado por cerca de 250 milhões de pessoas.

DEMOCRACIA
HAY FESTIVAL

A preocupação com o declínio das forças democráticas em várias partes do mundo marcou o Hay Festival de Literatura e Artes, realizado em Cartagena das Índias, na Colômbia. O produtor cultural mineiro Afonso Borges revela que esse temor foi onipresente no evento. “Participei pela quarta vez do Hay. Não senti o clima leve e afável de antes”, comenta. Encerrado no fim de semana, o festival recebeu, entre outros escritores, a canadense Margaret Atwood, autora do best-seller O conto da aia. Borges defende a realização de uma edição do Hay no Brasil. “Ouro Preto está vocacionada para recebê-lo”, afirma, disposto a iniciar as articulações para que isso ocorra.

POLÊMICOS
FRANCIS E HENFIL

A data de hoje marca o falecimento, há 23 anos, de Paulo Francis, uma das figuras mais polêmicas do jornalismo brasileiro, que continua a provocar controvérsias até hoje. Faleceu aos 67 anos, em Nova York, de ataque cardíaco, que, dizem, foi provocado pela tensão em que se encontrava por ter sido o primeiro jornalista brasileiro a denunciar abertamente a corrupção na Petrobras. Francis foi processado pelo então presidente da empresa, o mineiro Joel Rennó, que reivindicava indenização por danos morais no valor de US$ 100 milhões.

***

A propósito, a data de amanhã marca o aniversário de nascimento, em Ribeirão das Neves, do chargista mineiro Henfil, que morreu com apenas 43 anos. Hemofílico, foi vítima de Aids, contraída em transfusões de sangue.

ASSEMBLEIA
CRIAÇÃO DO TRF-6

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro João Otávio de Noronha, mineiro de Três Corações, diretamente interessado na instalação em Belo Horizonte do Tribunal Regional Federal da 6ª Região (TRF-6), estará na cidade na quinta-feira. Vem especialmente para participar de reunião na Assembleia Legislativa. O encontro contará com lideranças do movimento Minas Mais Justiça, que trabalha para concretizar a instalação do tribunal em BH, o que dará mais agilidade a processos do estado em andamento na Justiça Federal, hoje julgados pelo Tribunal Regional da 1ª Região, em Brasília. Esta  corte de apelação está sobrecarregada de processos de 13 estados, além do Distrito Federal.

***

O ministro Noronha é autor do projeto de lei que cria o tribunal regional em Belo Horizonte, já aprovado pelo Conselho da Justiça Federal (CJF) e que se encontra em tramitação na Câmara dos Deputados. Noronha afirma que a instalação do TRF-6 se dará praticamente a custo zero. Será um tribunal 100% eletrônico, funcionando na base da automação, com uso de inteligência artificial, gabinetes compactos e secretarias unificadas. Será composto por 18 desembargadores federais, devendo essa equipe se originar da promoção a desembargador de 20 juízes do quadro permanente da Justiça Federal.

AMAZÔNIA
PEDRAS PRECIOSAS

Não há por onde escapar. A região amazônica, decididamente, necessita receber atenção redobrada do governo federal, pois essa enorme parcela do território nacional corre muitos perigos. Além do desmatamento da floresta, da devastação da natureza e de atividades predadoras de criadores de gado,  madeireiros, mineradores ilegais, ONGs mistificadoras e dizimadores da população indígena, a região é vítima de enorme contrabando de pedras preciosas e metais valiosos retirados clandestinamente de seu solo. A impossibilidade do controle das fronteiras e do enorme território facilita o escoamento ilegal de 70% da riqueza mineral da Amazônia. credita-se que essa prática criminosa se registra impunemente há muitos anos na região.

CARNAVAL
ARAXÁ

A Grupo Tauá de Hotéis, que administra o Grande Hotel de Araxá, vem dando atenção especial à programação do carnaval, que nos bons tempos era considerado um dos melhores de Minas Gerais, atraindo gente de todo o país. Pacotes foram lançados para a temporada de folia com acréscimo de diárias para tratamento termal, relax e descanso na estância, cujas fontes de águas sulfurosas jorram há milênios do solo vulcânico, frequentado até por dinossauros.

DESEMPREGO
COMO É QUE FAZ?

Segundo a última pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 11,6 milhões de cidadãos procuraram emprego e não encontraram. Portanto, encontram-se desempregados. Outros 38,4 milhões se declararam trabalhadores informais – enorme força de trabalho sem emprego regular. É dureza. Obviamente, a solução de uma situação dessas não se faz de um dia para o outro. E aí, como é que fica?

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade