Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas COLUNA

Vereadora mais votada da história de BH, Duda Salabert respeita minorias e novos posicionamentos

Programa de campanha da vereadora mais votada de BH mostra que competência e inteligência não devem ser misturadas com racismo, credo e orientação de gênero


19/11/2020 04:00 - atualizado 19/11/2020 07:33

Duda Salabert incluiu em programa de realizações temas como sustentabilidade, reciclagem, educação ambiental e proteção de animais silvestres e domésticos(foto: Lucas Ávila/Astronauta Comunicação)
Duda Salabert incluiu em programa de realizações temas como sustentabilidade, reciclagem, educação ambiental e proteção de animais silvestres e domésticos (foto: Lucas Ávila/Astronauta Comunicação)


As eleições municipais aconteceram no último domingo. Exatas 57 cidades ainda terão segundo turno para definir seus futuros prefeitos. Mas todos os vereadores já foram escolhidos.

Em Belo Horizonte, tivemos como candidata mais votada, de toda a história, a primeira mulher trans a se eleger vereadora. A orientação sexual ou de gênero de uma pessoa é de cada um. Se para alguns conviver com isso é uma novidade, para outros é uma libertação.

A arte e a política, com sua importância social e poder, sempre foram escolhidas como uma das portas de entrada para representantes de minorias e novos posicionamentos. A sua vitória, por meio do voto popular, comprova que existe parte da sociedade preocupada em ser representada na Câmara Municipal.

O empoderamento das pessoas pela força do mundo virtual trouxe intolerância e agressividade. No entanto, também carrega oportunidade e visibilidade para quem tem dificuldade de se pronunciar.

O seu programa de campanha mostra claramente que competência e inteligência não devem ser misturadas com racismo, credo e orientação de gênero. Suas ideias relacionadas à sustentabilidade, reciclagem, educação ambiental e proteção de animais silvestres e domésticos são de grande importância para todos os cidadãos.

O respeito às diferenças é a chave para a sobrevivência de qualquer cultura. O contrário, junto com o preconceito, nos levaria à morte social, e a este movimento devemos nos opor, com voz ativa e firmeza. Seja bem-vinda à Câmara Municipal, Duda Salabert.

Sua presença trará novidades construtivas para um ambiente no qual temos representantes de todas as classes sociais, cor, sexo, religiões e posicionamentos. Seu número de votos, superior a 37 mil, mostra a sua força e importância para nossa cidade.

Que você faça um mandato compatível com a esperança que os seus eleitores depositaram em você. A cada novo direito conquistado, uma grande parcela da população se enche de alegria. Penso que você pode ser um combustível fundamental para esse movimento.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade