20°/ 27°
Belo Horizonte,
21/OUT/2014
  • (3) Comentários
  • Votação:
  • Compartilhe:

Trio é preso em flagrante com mais de 1,1 mil papelotes de cocaína em casa de Betim Os criminosos foram presos quando embalavam o entorpecente. Uma equipe da Polícia Civil investigava uma quadrilha no Bairro Capelinha quando receberam uma denúncia anônima

João Henrique do Vale

Publicação: 31/07/2013 16:59 Atualização: 31/07/2013 17:38

 (Polícia Civil / Divulgação)
Três homens foram presos em flagrante enquanto embalavam drogas dentro de uma casa no Bairro Capelinha, em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Com os traficantes foram encontrados 1.127 papelotes de cocaína e uma porção de dois quilos da droga que ainda não tinha sido preparada para a venda. O trio foi apresentado na tarde desta quarta-feira na 1ª Delegacia da cidade.

Uma equipe da delegacia estava no bairro para fazer levantamentos sobre uma quadrilha que atuava na região. Durante as apurações, receberam informações de que algumas pessoas estariam embalando drogas em uma casa. Os policiais foram até o imóvel e ficaram monitorando a movimentação. “Enquanto estávamos de campana, várias pessoas passavam pela residência, chamavam por um homem e recebiam um material. Logo em seguida iam embora”, explica a delegada Cristiane Ferreira Lopes.

Diante do flagrante, os policiais conseguiram entrar na casa e encontraram com Marlon Sabino Borges, de 20 anos, Renato Gonçalves dos Santos e Heverton Francisco Martins, ambos de 23 anos, ao redor de uma mesa cheia de drogas. “Os homens estavam embalando drogas em uma mesa. Tinha vários plásticos e até velas que são usadas para lacrar o entorpecente”, diz a delegada.

Nenhum dos criminosos reagiu a ação da polícia. Além dos papelotes de cocaína, foram apreendidas pequenas quantidades de maconha e crack. “As investigações agora serão para identificar quem é o dono do material e ver se o trio estava apenas embalando as drogas”, diz Lopes.

Na delegacias, os criminosos se reservaram ao direito de se manifestar apenas em juízo. O trio foi encaminhado para o Centro de Remanejamento do Sistema Prisional (Ceresp) Betim.
Tags:

Esta matéria tem: (3) comentários

Autor: Jorge Tocafundo
A polícia de Betim é muito boa, a delegada Cristiane é muito séria e competente mas a morosidade da justiça, os 'direitos' dos criminosos e os 'habeas corpus' são desanimadores. ps: como se explica soltar criminoso por ser 'primário' se ele é criminoso?!? | Denuncie |

Autor: márcio silva
... continuando, já foi preso com arma, droga e carro roubado e não fica preso. Isso gera descrédito no poder público por não combater a criminalidade. Bar do Zé Gordo, na beira da represa da várzea das flores, é um antro de criminalidade. Drogas, armas e carro roubado com o próprio dono. | Denuncie |

Autor: márcio silva
A policia de Betim precisa investigar o zé gordo na várzea das flores pelo tráfico de drogas. Ele vem abastecendo uma clinica clandestina de dependente químicos, que se chama "RECUPERANDO VIDAS" na região. Um cara que só anda armado e impõe terror na área. A Policia já achou drogas lá, carro furtado | Denuncie |

Comentar

Para comentar essa notícia entre com seu e-mail e senha

Caso você não tenha cadastro,
Clique aqui e faça seu cadastro gratuito.
Esqueci minha senha »

Envie sua história efaça parte da rede de conteúdo do grupo Diários Associados.
Clique aqui e envie seu vídeo, foto, podcast ou crie seu blog. Manifeste seu mundo.