Como fazer uma redação nota mil no Enem

Ministério da Educação lança cartilha com detalhes de como é feita a correção dos textos da prova. Dos seis exemplos que tiveram pontuação máxima, dois são de Minas Gerais

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

postado em 31/07/2012 06:00 / atualizado em 31/07/2012 07:34

Paula Filizola /Correio Braziliense

O Ministério da Educação (MEC), em conjunto com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgou ontem o manual A redação no Enem 2012 — guia do participante. O documento está disponível para download no site do Inep (www.inep.gov.br). O guia traz em detalhes a matriz de correção das redações do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), aborda os pontos de avaliação da prova e das cinco competências cobradas pelos examinadores, além de utilizar exemplos de redações que receberam nota máxima.

Dos seis exemplos usados pelo MEC na cartilha, dois são de alunas de Minas Gerais que obtiveram a nota máxima na avaliação. Uma delas é Camila Pereira Zuconi, de 18 anos, que estudou no Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Viçosa (Coluni) e hoje cursa medicina em Porto Alegre. Ontem, ela disse ao Estado de Minas que não se preparou especificamente para conseguir nota máxima na redação. “Me preparei como um todo para obter uma boa nota no Enem. Acho que consegui pontuação máxima em redação pelo fato de que sempre tive como alvo o leitor daquilo que escrevo. Minha preocupação sempre foi escrever de forma objetiva, para que as pessoas entendessem o que estava dizendo.”

Para Camila, outro fator que pode ter contribuído com seu sucesso são as duas bolsas de iniciação científica que ganhou quando cursava o ensino médio no Coluni. “Tive que fazer vários relatórios e escrevia muito. Sempre de forma objetiva.” No total, ela tirou 787 no Enem. Outra redação escolhida é de Alline Rodrigues da Silva, de Uberaba. As duas escreveram sobre o uso das redes sociais. Os demais textos escolhidos são de alunos de São Paulo, Barueri (SP) e dois do Rio de Janeiro.

Esta é a primeira vez que o ministério e sua autarquia desenvolvem um material didático específico sobre o Enem para os candidatos. No entanto, o arquivo para download está disponível no formato PDF e não é compatível com o sistema de leitura de telas para deficientes visuais. O MEC vai distribuir o guia do participante para 1,6 milhão de estudantes da rede pública, além de 100 mil cópias para os professores. Os alunos que solicitaram atendimento especial em suas inscrições serão contemplados com o guia no formato de que necessitam, como em braile.

Novas regras

Em 24 de maio, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, anunciou novas regras para a correção da redação. Nas provas anteriores, dois corretores avaliavam o texto, que só era passado para um terceiro profissional quando a discrepância entre as duas primeiras notas passava de 300 pontos.

Agora, quando essa discrepância passar de 200 pontos, a redação passará pela avaliação de um terceiro corretor. A regra também vale para discrepâncias superiores a 80 pontos em uma ou mais competências exigidas na redação. Se a discrepância nas notas permanecer mesmo após a terceira avaliação, será convocada uma banca, formada por três especialistas, que fará a correção final.

Também sofreu alteração a nota de corte para alunos que farão o Enem com o objetivo de obter certificação para o ensino médio. Agora é preciso tirar 450 pontos em cada área do conhecimento, 50 pontos a mais do que em 2011. A nota mínima na redação permanece a mesma, 500 pontos. As provas serão realizadas em 3 e 4 de novembro.


O que é avaliado

Saiba quais são as competências exigidas na prova de redação do Enem. Cada uma vale 200 pontos:
1)    Demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita
2)    Compreender a proposta da redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo
3)    Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista
4)    Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação
5)    Elaborar proposta de solução para o problema abordado, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural


Site tem dicas para os alunos

O Plantão Enem, criado no ano passado pela Secretaria de Educação de Minas Gerais, está disponibilizando 24 “drops” em áudio produzidos para ajudar nos estudos para a prova. Os podcasts estão no site do programa (www.plantaoenem.com.br) e podem ser usados também por emissoras de rádio. Os drops são programas de dois minutos com dicas de estudo de todas as disciplinas do ensino médio. O estudante que baixar a dica poderá ouvir em diferentes mídias, como celular, MP4, entre outras.

A partir de setembro, devem ser levados ao ar conteúdos inéditos. Eles também serão transformados em áudios e colocados no site do Plantão Enem. Até 18 de agosto serão veiculadas na Rede Minas as reprises dos programas gravados em 2011, às 10h. Os estudantes podem participar enviando perguntas para o plantaoenem@plantaoenem.com.br.
 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.