Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Giro Esportivo


postado em 23/02/2019 05:04

(foto: GABRIEL BOUYS/AFP %u2013 9/2/19)
(foto: GABRIEL BOUYS/AFP %u2013 9/2/19)

Sem contratações

Fifa pune o Chelsea

 

O Chelsea não poderá fazer contratações nas próximas duas janelas de transferências, até o fim de janeiro de 2020, por não ter respeitado as regras sobre as negociações com jogadores menores de idade. A punição da Fifa prevê também uma multa de 600.000 francos suíços (530.000 euros) e devem regularizar a situação dos menores de idade envolvidos em 90 dias. A Federação Inglesa também foi multada em 510.000 francos suíços (450.000 euros) e dispõe de prazo de seis meses para explicar suas regras para contratações internacionais de jogadores menores de idade. O Chelsea ainda pode apresentar um recurso de apelação.

 

Real renova
com Modric
O Real Madrid renovou o contrato com Luka Modric nesta sexta-feira. O novo compromisso vai até junho de 2021 e pode ser o último contrato do camisa 10 e atual melhor jogador do mundo, já que ele estará prestes a fazer 36 anos ao final do vínculo. Com a renovação, o clube merengue se blinda das especulações de que Modric pudesse sair para a Inter de Milão.

Marketing?
“Errei, foi uma comparação infeliz, anacrônica e que não condiz com a minha prática à frente do clube”

Luis Paulo Rosenberg, diretor de marketing do Corinthians, ao pedir desculpas ontem após comparar as dificuldades para vender os naming rights da Arena Corinthians a uma “esposa perfeita com teste de HIV positivo”. A declaração foi dada em entrevista à ESPN Brasil.


Boa estreia
no judô
O judô do Brasil começou o Grand Slam de Dusseldorf, na Alemanha, com duas medalhas. Ontem, no primeiro dia de disputas, a campeã olímpica Rafaela Silva ficou com a prata na categoria até 57kg e Nathália Brígida conquistou o bronze entre as judocas até 48kg. Outros oito brasileiros entraram no tatame, mas não chegaram à disputa por um lugar no pódio. Hoje, o Brasil terá sete judocas em ação: Eduardo Barbosa, Marcelo Contini (ambos até 73kg), Eduardo Yudy Santos (até 81kg), Alexia Castilhos, Ketleyn Quadros (ambas até 63kg), Ellen Santana e Maria Portela (ambas até 70kg). O Grand Slam de Dusseldorf será encerrado domingo, quando mais 10 brasileiros entrarão no tatame.


Publicidade