Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Escondendo o jogo

Com reforços à disposição e titulares ainda buscando a melhor forma, Mano faz mistério sobre a escalação do Cruzeiro. Uma das dúvidas é quanto à presença de Thiago Neves


postado em 26/01/2019 05:11

Embora venha treinando, Thiago Neves se recuperou recentemente de estiramento na panturrilha direita e pode entrar no decorrer do clássico(foto: JUAREZ RODRIGUES/EM/D.A PRESS)
Embora venha treinando, Thiago Neves se recuperou recentemente de estiramento na panturrilha direita e pode entrar no decorrer do clássico (foto: JUAREZ RODRIGUES/EM/D.A PRESS)

Se não costuma divulgar antecipadamente escalação para jogos nem contra times do interior, o técnico Mano Menezes não o faria antes de um clássico com o Atlético. O mistério aumenta se for levado em conta que chegaram novos jogadores e que os antigos titulares ainda não estão na melhor forma, pois têm apenas 24 dias de trabalho em 2019.

“Não conto a escalação nem para minha mãe”, brincou o treinador, para em seguida dizer que, “sim, mas só para ela”. Ele fechou o treino de ontem de manhã à imprensa. E na última atividade antes do duelo, hoje, a imprensa não terá acesso à Toca da Raposa II nem para entrevistas.

O certo é que ele não poderá contar com o atacante David, que deixou o confronto com o Patrocinense, quarta-feira, com edema na parte posterior da coxa. Já os recém-contratados Marquinhos Gabriel e Dodô ainda precisam melhorar a parte física, enquanto Rodriguinho ainda não foi apresentado.

Dos reforços, o lateral-direito Orejuela e o volante Jadson estrearam no meio de semana e se saíram bem. Porém, devem começar no banco de reservas, o que projeta as voltas dos titulares Edílson e Henrique, que é o capitão da equipe.

A dúvida é no meio, pois o armador Thiago Neves, que passará a usar a camisa 10, está recuperado de estiramento na panturrilha direita, mas, como perdeu parte da pré-temporada, precisa se condicionar melhor, ficando como opção para o decorrer da partida. Mano pode manter o esquema com três volantes usado diante do time de Patrocínio ou colocar um atacante, provavelmente Raniel, formando a linha de armação com Robinho e Rafinha.

ATAQUE Na frente, Fred deve ser mantido. O jogador iniciou o jogo de quarta-feira com a máscara para proteger o nariz fraturado e operado, mas ainda no primeiro tempo se livrou do equipamento, pois se sentiu incomodado. Aparentemente, não teve problemas para jogar sem a proteção.

Já na zaga, é aguardada a volta de Dedé. O jogador foi um dos poupados por Mano Menezes no último compromisso pelo Estadual, justamente para estar bem para o clássico.

Nas telas

Será hoje, às 10h e às 11h, no Cineart do Ponteio Lar Shopping, a pré-estreia do filme Azul escuro. Com direção e roteiro de Gustavo Nolasco, colunista do Estado de Minas, direção de fotografia de Leo Souza, Beto Magalhães e Rodrigo Meireles, e produção de Bruno Mateus e Guilherme Guimarães, a obra conta, em aproximadamente 25 minutos, a paixão de seu Lúcio, um cruzeirense deficiente visual que vive no meio da Floresta amazônica. O torcedor estará presente e amanhã vai realizar o sonho de conhecer o Mineirão justamente em um clássico contra o Atlético.


Publicidade