Publicidade

Estado de Minas POLÍTICA

Alckmin diz, após debate, que vai continuar com propaganda crítica a Bolsonaro


postado em 09/09/2018 21:20

O candidato do PSDB à Presidência, Geraldo Alckmin, afirmou neste domingo, 9, após o debate Estadão/TV Gazeta/Jovem Pan/Twitter, que não vai mudar a estratégia de campanha devido ao ataque contra Jair Bolsonaro (PSL).

Quando questionado se colocaria de novo no ar as inserções mais duras contra o candidato do PSL, o tucano respondeu que sim. "Nós alertamos: o caminho não é pela bala. Vamos continuar, claro".

O candidato do PSDB também atacou a campanha petista e de Henrique Meirelles (MDB). "Me permita uma correção. A candidata Marina Silva disse que Temer, Renan, Padilha e Moreira Franco me apoiam. Mentira. Eles apoiam o Meirelles e o Lula", afirmou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade