Publicidade

Estado de Minas

Para Goldman, dizer que PSDB está atrás do MDB é 'papagaiada'


postado em 15/05/2018 18:36

São Paulo, 15 - Um dia após o presidente Michel Temer declarar que vem sendo procurado "com insistência" por um "enxame" de tucanos para negociar uma aliança, o ex-governador e ex-presidente do partido Alberto Goldman reagiu dizendo se tratar de uma "papagaiada" do emedebista.

"(Temer diz) 'eles estão me procurando. Eu não telefono e dizem que telefono. Eu não procuro, eles é que procuram'. Para que isso? O que isso interessa a qualquer um? Nem eu leio isso, imagina o cidadão comum. O que é isso? Papagaiada", afirmou Goldman, ao Broadcast Político, serviço de notícias em tempo real do Grupo Estado.

A fala do tucano refere-se a uma entrevista concedida por Temer ao blog do jornalista Gerson Camarotti, na tarde de ontem. Na ocasião, o presidente já rebatia a informação de que tucanos haviam sido procurados pelo MDB para uma composição. "Estou indignado. Essa gente está atrás de mim com ânsia", declarou Temer.

(Augusto Decker, especial para AE)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade