Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Blockchain e a prevenção de riscos

Em um futuro próximo, o blockchain estará muito além das moedas digitais


postado em 31/10/2019 04:00

Gabriela Santana
Vice-presidente de operações 
e negócios da Tecnobank

Você já deve ter ouvido falar sobre blockchain. De forma simplificada, podemos dizer que essa é uma tecnologia disruptiva que nasce com o objetivo de garantir mais confiabilidade e segurança às transações feitas com criptomoedas, como por exemplo, o bitcoin. Essa ferramenta está mudando, radicalmente, a forma como fazemos transações de dados na internet nos dias de hoje, e a sua principal contribuição é atender aos objetivos da segurança da informação que são a confidencialidade, integridade, disponibilidade, autenticidade e auditabilidade.

Grandes organizações entenderam a oportunidade por trás dessa tecnologia e já começaram a utilizá-la. Em um futuro próximo, o blockchain estará muito além das moedas digitais e será uma ferramenta muito importante para a segurança dos dados. Segundo relatório da Accenture, empresa multinacional de consultoria de gestão, tecnologia da informação e outsourcing, essa tecnologia fará com que os bancos sejam capazes de economizar de US$ 8 bilhões a US$ 12 bilhões em gastos com infraestrutura, um montante consideravelmente expressivo.

Quem viveu a expansão da internet e sua popularização, nos anos 1990, assistiu a uma revolução tomar conta do planeta e transformar para sempre a maneira como os dados são compartilhados. Apenas duas décadas depois, o blockchain promete protagonizar uma nova transformação global, de impacto tão grande quanto o gerado pela rede mundial de computadores. Essa afirmação pode até parecer exagero, mas é exatamente o que já está acontecendo com as transações realizadas com as criptomoedas.

No final das contas, podemos considerar que o que a internet fez pelas comunicações durante todos esses anos, o blockchain está fazendo pela transmissão de dados com valor. Dessa forma, já é possível perceber todos os impactos positivos dessa ferramenta em vários setores da economia, como, por exemplo, nas comunicações, logística, serviços financeiros, indústria automobilística, agricultura, gestão pública, saúde, contabilidade, ajuda humanitária, varejo e cultura.

Não dá para ignorar: o blockchain é uma realidade cada vez mais conhecida e usada pelas grandes organizações. Ele é uma ferramenta revolucionária. Podemos dizer que, possivelmente, todas as transações a partir de agora serão realizadas por meio dessa tecnologia, que tem um grande potencial de mudar de patamar a economia e a tecnologia da informação como as conhecemos.


*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade