Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas CARLOS PRATES

Luta pela troca do aeródromo


postado em 27/10/2019 04:00 / atualizado em 26/10/2019 19:27

Gege Angelini
Belo Horizonte


"Mais vidas ceifadas, mais danos irreparáveis em todos os sentidos. O aeródromo do Carlos Prates veio para não ficar ad eternum. Foi bom enquanto durou, com a cidade pequena. Seu tempo acabou com o passar dos anos e com sua temerosidade latente, pois de obsoleto tornou-se um monstrinho. Há de se mudar essa situação de uma vez por todas. Urgentemente. O envolvimento do governo federal neste caos será muito bem-vindo e extremamente necessário. Aquele espaço enorme tão nobre, de localização excepcional, merece outra destinação e a solução passa por um estudo de ações que atendam à grande maioria da população. Como? Muito simples e de razoabilidade ímpar. A rodoviária da capital está pequena, os pontos de embarques/desembarques, criados em tempos especiais, não levam a nada. Temos uma superárea estrategicamente localizada ao lado das BRs 381 e 040, vias que levam os viajantes a uma enorme série de regiões do estado e do país. Ali, no aeródromo, poderia ser construída, em tempo recorde, no sistema de parceria público- privada (PPP), uma nova rodoviária que atendesse às saídas para Brasília, Vitória, Rio de Janeiro e São Paulo, levando em seu bojo umas boas centenas de cidades do estado. Linhas troncais de ônibus do Centro de BH, da Savassi, do Barreiro, Venda Nova e Cidade Nova fariam a ligação direta com o novo espaço. E, de lá, linhas intermunicipais e interestaduais teriam maior flexibilidade de embarque e desembarque, facilitando a vida de todos. Os senhores governantes poderiam chamar para si essa solução, com o aval sereno da Infraero. E o aeroporto da Pampulha receberia de bom grado os voos transferidos do incômodo Carlos Prates."

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade