Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Espaço do leitor


postado em 07/07/2019 04:04

PRESERVAÇÃO
Leitor questiona
os outros países

Ivan Silva
Itabira – MG

"Os países que mais desmataram no mundo são EUA, Alemanha, França, Inglaterra e Espanha. Nesses países, não sobrou praticamente nada de mata nativa. O Brasil é exemplo, pois quase todas as cidades têm uma mata nativa preservada, tanto em metrópoles quanto em cidades pequenas. Portanto, esses países não podem querer dar pitaco, como disse o nosso presidente Jair Bolsonaro, sobre o que fazer com nossas matas."

ORGULHOSO
Mais uma grande 
batalha vencida

José Pedro Naisser
Curitiba

"Somos brasileiros, com muito orgulho. Orgulho, sim, pelo ministro Sérgio Moro; orgulho pelo jurista Deltan Dallagnol e sua equipe do Ministério Público, que comanda a Lava-Jato em Curitiba. Orgulho, agora, pelo senhor Orlando Rochadel, até então um grande magistrado anônimo, que integra o Conselho Nacional do Ministério Público, órgão responsável pelo julgamento dos seus afiliados. Prevaleceu a ética e a honestidade na decisão de Rochadel, que mandou arquivar o processo contra os dois já citados aqui. Pois não viu falta funcional na denúncia do Intercept Brasil, cujo teor das supostas gravações foi obtido de forma fraudulenta e ilícita. Ganha a ética, a Justiça e a honestidade, que esses valorosos brasileiros nos representam. Perdem os oportunistas e desonestos, que insistem em espalhar fake news para atrapalhar os destinos do nosso país, que luta para limpar, de uma vez por todas, os atos de corrupção e vai em busca dos bilhões que foram desviados do petrolão. Parabéns, Orlando Rochadel, brasileiro com muito orgulho. Go home Glenn Woodward, e sua corja."

CRIME
PF investiga fraude na 
aposentadoria rural 

Jeovah Ferreira
Brasília

"Li a seguinte notícia: 'PF combate grupo criminoso que fraudava 
aposentadorias rurais no Ceará'. Bom seria se a Polícia Federal passasse por todos os municípios brasileiros levantando o número de pessoas que recebem como segurado especial – 60 anos de idade para homens e 55 para mulheres – e, ao mesmo tempo, exigir um teste de conhecimento sobre produção agrícola. É bem provável que melancia seria chamada de abóbora, mandioca de batata, pepino de maxixe, trigo de arroz e bambu de cana-de-açúcar. PF neles." 

EGOÍSTAS
Parlamentares não 
pensam no povo

Humberto Schuwartz Soares
Vila Velha – ES

"Mais uma vez, os deputados e senadores, de forma egoísta, pensam em si, não visam aos interesses brasileiros. Daí a dificuldade de o país superar os problemas e avançar. Devido ao crescente e pesado ônus com pessoal, absorvendo quase toda a receita, é fundamental a inclusão dos estados e municípios na reforma da Previdência, senão nada sobrará para investir e amenizar os precários serviços básicos como educação, segurança, saúde, infraestrutura e transportes. Nossos congressistas almejam reeleição ou cargos de prefeitos ou governadores e anteveem perda de votos caso abracem a reforma. Sugiro aos munícipes atenção no Legislativo e não votar mais, para nenhum cargo eletivo, naqueles que forem contra uma reforma da Previdência de maior abrangência."


Publicidade