Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Dez áre­as pa­ra tra­ba­lhar, ser fe­liz e ter su­ces­so em 2019


postado em 12/01/2019 05:04

O ano de 2019 che­gou com mui­tas ex­pec­ta­ti­vas no Bra­sil. E co­mo es­tá o seu pla­ne­ja­men­to pro­fis­sio­nal? Se­rá um ano de mu­dan­ças? Vo­cê es­tá an­te­na­do com os mo­vi­men­tos e as opor­tu­ni­da­des do mer­ca­do? Pois en­tão, não per­ca tem­po e fi­que aten­to ao que vem por aí com es­sas 10 di­cas de áreas que es­ta­rão em al­ta e que vo­cê não po­de pen­sar em fi­car de fo­ra se bus­ca su­ces­so pro­fis­sio­nal.

Mí­dias di­gi­tais: o mun­do di­gi­tal trou­xe no­vos com­por­ta­men­tos de mer­ca­do e as re­des so­ciais se tor­na­ram o gran­de ca­nal de re­la­cio­na­men­to com os clien­tes. In­de­pen­den­te­men­te se uma em­pre­sa é pe­que­na ou gran­de, ela pre­ci­sa se co­mu­ni­car ade­qua­da­men­te com seu pú­bli­co e ge­rar en­ga­ja­men­to, que é o que im­pac­ta di­re­ta­men­te nos re­sul­ta­dos de ven­das. Os pro­fis­sio­nais que trou­xe­rem es­sa ex­per­ti­se pa­ra 2019 te­rão mui­to es­pa­ço pa­ra agre­gar va­lor nas em­pre­sas.

Mer­ca­do de ex­pe­riên­cias: a re­gra pa­ra 2019 é ge­rar ex­pe­riên­cias po­si­ti­vas e ines­que­cí­veis pa­ra os seus clien­tes. Aqui, os pro­fis­sio­nais li­ga­dos à hos­pi­ta­li­da­de, even­tos e re­la­cio­na­men­to di­re­to com os clien­tes te­rão um mer­ca­do ines­go­tá­vel pa­ra ex­plo­rar, com a mis­são de en­tre­gar o in­tan­gí­vel, que agre­ga va­lor a to­do pro­du­to ou ser­vi­ço que é for­ne­ci­do. Já no meio di­gi­tal o pro­fis­sio­nal de ex­pe­riên­cia do usuá­rio (UX) ga­nha des­ta­que, com a mis­são de pro­por­cio­nar em to­dos os ca­nais de con­ta­to com o clien­te uma boa na­ve­ga­bi­li­da­de, usa­bi­li­da­de, aces­si­bi­li­da­de e fun­cio­na­li­da­de.

Gas­tro­no­mia: es­se é um mer­ca­do que, mes­mo com a cri­se, usou a cria­ti­vi­da­de pa­ra ofe­re­cer ser­vi­ços di­fe­ren­cia­dos e de qua­li­da­de e se­gue for­te com es­se mo­vi­men­to pa­ra 2019 com gran­de des­ta­que pa­ra áreas co­mo cer­ve­ja­ria ar­te­sa­nal, co­zi­nha sau­dá­vel e ser­vi­ços de per­so­nal chef, que são ca­da vez mais apre­cia­dos pe­lo pú­bli­co. So­lu­ções em ali­men­tos e be­bi­das com ni­cho de pro­du­tos pa­ra pú­bli­cos es­pe­cí­fi­cos ten­dem a ga­nhar mais es­pa­ço, con­si­de­ran­do sem­pre a ino­va­ção e a iden­ti­fi­ca­ção com quem con­so­me e a ex­pe­riên­cia no seu en­tor­no.

Cien­tis­ta de da­dos: vi­ve­mos na era da in­for­ma­ção. O vo­lu­me de da­dos é ab­sur­do e, pa­ra que as em­pre­sas con­si­gam de­fi­nir es­tra­té­gias mais as­ser­ti­vas, é ne­ces­sá­ria uma aná­li­se ade­qua­da de to­da es­sa in­for­ma­ção. Os pro­fis­sio­nais de da­dos se­rão ca­da dia mais re­qui­si­ta­dos pa­ra aju­dar as em­pre­sas a re­sol­ver pro­ble­mas e a en­ten­der com­por­ta­men­tos e ten­dên­cias de mer­ca­do. Pa­ra 2019, o fo­co se­rá em in­di­ca­do­res, que são da­dos or­ga­ni­za­dos.

De­sign de so­lu­ções: a vi­da mo­der­na im­pri­me uma ro­ti­na ace­le­ra­da e as em­pre­sas pre­ci­sam pen­sar em so­lu­ções que fa­ci­li­tem o dia a dia dos seus clien­tes. E aqui en­tra o de­sign, em suas di­fe­ren­tes ra­mi­fi­ca­ções, com a mis­são de criar so­lu­ções ca­da vez mais fun­cio­nais, sus­ten­tá­veis e com pro­pó­si­to. Des­ta­que pa­ra a mo­da au­to­ral, que im­pri­me per­so­na­li­da­de e ex­clu­si­vi­da­de a suas pe­ças. Já na li­nha de de­sign de pro­du­tos e de in­te­rio­r a preo­cu­pa­ção e em tra­zer so­lu­ções que pro­por­cio­nem o bem-es­tar e a me­lhor pro­du­ti­vi­da­de das pes­soas.

Con­sul­to­ria de ima­gem: pa­ra 2019, se­gue va­len­do o di­ta­do de que a pri­mei­ra im­pres­são é a que fi­ca, e pa­ra is­so é im­por­tan­te cui­dar da ima­gem pes­soal e pas­sar uma men­sa­gem po­si­ti­va. Es­sa é uma área que ain­da não é mui­to co­nhe­ci­da, mas que es­tá ga­nhan­do seu es­pa­ço pe­lo va­lor que en­tre­ga aos seus clien­tes. A con­sul­to­ria de ima­gem tem im­pac­to di­re­to na au­toes­ti­ma das pes­soas, aju­dan­do a aflo­rar o que elas têm de me­lhor e as au­xi­lian­do pa­ra uma me­lhor per­for­man­ce pro­fis­sio­nal.

Di­gi­tal In­fluen­cer: o bo­ca a bo­ca ga­nhou maio­res pro­por­ções atra­vés das re­des so­ciais. São pes­soas que se des­ta­cam na gran­de re­de e for­mam mi­lha­res de se­gui­do­res, di­tan­do es­ti­lo de vi­da e sen­do em­bai­xa­do­res de mar­cas e pro­du­tos. Uma ten­dên­cia pa­ra 2019 é o cres­ci­men­to de mi­croin­fluen­cia­do­res, que mui­tas ve­zes não acu­mu­lam um nú­me­ro gi­gan­tes­co de fãs, mas têm gran­de en­ga­ja­men­to com um per­fil de pú­bli­co mui­to es­pe­cí­fi­co.

Au­dio­vi­sual: pa­ra 2019, é es­pe­ra­do que mais de 80% do trá­fe­go de da­dos da in­ter­net se­ja de ví­deos. O au­dio­vi­sual é uma das áreas que mais cres­cem no mun­do, abrin­do cam­po pa­ra pro­fis­sio­nais atua­rem em di­fe­ren­tes fren­tes, des­de as gran­des pro­du­ções de ci­ne­ma até or­ça­men­tos me­no­res de con­teú­dos pa­ra re­des so­ciais. É com­pro­va­do que ví­deos ge­ram mais en­ga­ja­men­to e as em­pre­sas pre­ci­sam se preo­cu­par ca­da vez mais com a qua­li­da­de do ma­te­rial que es­tão en­tre­gan­do pa­ra os seus clien­tes.

Ges­tão fi­nan­cei­ra: o gran­de de­sa­fio das em­pre­sas é fe­char seus re­sul­ta­dos com lu­cro. O pa­pel do ges­tor fi­nan­cei­ro não per­de seu es­pa­ço em 2019, ao con­trá­rio, es­tá sen­do mui­to mais de­man­da­do. O pro­fis­sio­nal com vi­são de oti­mi­za­ção de cus­tos e orien­ta­ção pa­ra re­sul­ta­dos es­tá sen­do dis­pu­ta­do no mer­ca­do. Gran­de des­ta­que pa­ra o pro­fis­sio­nal des­sa área que tem po­der de en­ga­ja­men­to da equi­pe e con­se­gue criar uma cul­tu­ra de ne­gó­cio sus­ten­tá­vel em to­da a em­pre­sa.

Ges­tão de pes­soas: as em­pre­sas são fei­tas de pes­soas. Ca­be ao ges­tor de pes­soas mon­tar um ti­me ven­ce­dor e acom­pa­nhá-lo no dia a dia, ru­mo às me­tas da em­pre­sa. Uma res­pon­sa­bi­li­da­de mui­to gran­de fa­rá com que es­se pro­fis­sio­nal te­nha des­ta­que em 2019: criar nas pes­soas o sen­ti­men­to de per­ten­ci­men­to e de or­gu­lho em fa­zer par­te da em­pre­sa na qual tra­ba­lha, pois es­se é o di­fe­ren­cial pa­ra ter uma equi­pe en­ga­ja­da e com fo­co no clien­te.


Publicidade