Publicidade

Estado de Minas ITABUNA

'Morra quem morrer', diz prefeito de Itabuna, na Bahia, ao anunciar reabertura do comércio

Vídeo circula em redes sociais e virou alvo de duras críticas; leitos de UTI para COVID-19 estão 100% ocupados na cidade


postado em 02/07/2020 11:57 / atualizado em 02/07/2020 12:28

Prefeito Fernando Gomes, do PTC(foto: Reprodução/Redes Sociais)
Prefeito Fernando Gomes, do PTC (foto: Reprodução/Redes Sociais)
Com mais de 2.700 casos e quase 60 mortes por COVID-19 desde o início da pandemia, a cidade de Itabuna, na Bahia, esteve no centro das atenções nesta manhã após declaração polêmica do prefeito Fernando Gomes (PTC). "Mandei fazer um decreto e no dia nove abre [o comércio], morra quem morrer", disse, em coletiva de imprensa on-line.

O vídeo circula pelas redes sociais e virou alvo de duras críticas. O comércio da cidade reabriria nessa quarta (1º), mas foi adiada a iniciativa já que o município registra 100% de ocupação dos leitos de UTI para pacientes de COVID-19.
 
 
 
Não é a primeira vez que o prefeito baiano é alvo de polêmicas. Ele também foi criticado quando disse que "reabriria o comércio mesmo se fosse preso", fazendo alusão à retomada que seria iniciada ontem.

Em nota, a prefeitura de Itabuna afirmou que a fala do prefeito foi "mal interpretada", que Gomes estava "contrariado com a situação, porque entende a necessidade da reabertura do comércio" em virtude da alta do desemprego. Afirma que, ainda assim, voltará atrás em virtude da alta ocupação de leitos.
 
* Estagiário sob supervisão do editor Benny Cohen 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade