Publicidade

Estado de Minas

Policial penal é flagrado traficando drogas dentro da Papuda; veja vídeo

Servidor foi flagrado depositando 600g de maconha dentro do Centro de Detenção Provisória. Ele teve a prisão preventiva decretada


postado em 19/01/2020 09:25 / atualizado em 19/01/2020 09:39


O policial penal Luiz Paulo Araújo Ferreira Filho, 37 anos, foi preso pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), após ser flagrado traficando drogas dentro do Complexo Penitenciário da Papuda. A prisão ocorreu na noite de sexta-feira (17). 

Câmeras instaladas pelos investigadores registraram o servidor deixando um pacote no interior de um dos blocos do Centro de Detenção Provisória (CDP), durante a ronda, na tarde de sexta. A droga, então, seria "pescada" por um detento. No entanto, ao constatarem a movimentação do servidor através das câmeras, os investigadores revistaram as celas do pavilhão onde o pacote foi depositado e encontraram o embrulho com 600g de maconha. A quantidade da droga, segundo estimativa da Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe), renderia cerca de R$ 100 mil, no local. Luiz Paulo Araújo ficaria com parte do valor.


Luiz Paulo Araújo Ferreira Filho é servidor concursado e trabalha há 11 anos na função. Ele era investigado desde setembro do ano passado pela Sesipe e pela Coordenação de Repressão às Drogas da Polícia Civil (Cord).

Prisão preventiva decretada

Segundo o coordenador da Cord, delegado Rogério Oliveira, ao longo das investigações, o servidor valia-se do cargo para traficar dentro da cadeia. "Ele pegava a viatura da Sesipe para fazer uma ronda. Pelos trabalhos de inteligência, já sabíamos os pontos onde ele entregava as drogas", disse.
Após a comprovação de que o pacote continha a droga, a Polícia Civil prendeu o servidor, em um lava-a-jato, na Ceilândia, por volta das 23h desta sexta-feira (17/1).

Ele passou por audiência de custódia, na manhã deste sábado (18/1), e teve a prisão preventiva decretada. O policial penal responderá pelo crime de tráfico de drogas, com o agravante do uso da função pública para o cometimento do crime.

Momento em que o suspeito se aproxima de uma cela para entregar a droga, segundo a Polícia Civil do DF (foto: Reprodução)
Momento em que o suspeito se aproxima de uma cela para entregar a droga, segundo a Polícia Civil do DF (foto: Reprodução)


Publicidade