Publicidade

Estado de Minas

Vídeo: ex-funcionário do Senado ameaça chefe e é perseguido

O homem foi interceptado na L4 Sul, em frente a embaixada da Dinamarca. Ele dizia estar armado e se trancou dentro do carro; às 16h acabou se entregando


postado em 26/04/2019 16:15 / atualizado em 26/04/2019 16:27

Policiais militares negociação a rendição de homem que teria ameaçado ex-chefe do Senado(foto: Divulgação/PMDF)
Policiais militares negociação a rendição de homem que teria ameaçado ex-chefe do Senado (foto: Divulgação/PMDF)


A avenida L4 Sul, na altura da embaixada da Dinamarca, foi interditada pela Polícia Militar na tarde desta sexta-feira (26/4). A medida foi adotada após a polícia legislativa do Senado Federal interceptar o carro, supostamente dirigido por um ex-funcionário da Casa, que teria
Policiais militares negociação a rendição de homem que teria ameaçado ex-chefe do Senado(foto: Divulgação/PMDF)
Policiais militares negociação a rendição de homem que teria ameaçado ex-chefe do Senado (foto: Divulgação/PMDF)
ameaçado o chefe com uma arma de fogo.



Por volta das 15h, policiais militares tentavam convencer o homem a abrir o veículo e se entregar. O Corpo de Bombeiros também foi chamado para dar apoio. O irmão dele chegou às 16h no local e conseguiu convencê-lo a deixar o carro. Ele saiu com as mãos para o alto e foi levado pelos policiais militares para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).



O trânsito na região ficou completamente parado e um longo congestionamento se formou na área central de Brasília.

O Correio fez contato com o Senado Federal e aguarda a resposta da Casa sobre o que aconteceu.  
  
Aguarde mais informações. 


Publicidade