Publicidade

Estado de Minas GERAL

Pedágios da Raposo Tavares sobem 6,64% no oeste paulista a partir do dia 31


postado em 28/12/2018 21:13

Motoristas que transitarem pela Rodovia Raposo Tavares, no oeste no oeste do Estado de São Paulo, vão pagar tarifas mais caras em quatro praças de pedágio a partir de segunda-feira, 31, último dia do ano. O reajuste médio será de 6,64%. Segundo a Concessionária Auto Raposo Tavares (Cart), o aumento foi autorizado para compensar reajustes menores dados em 2013 e 2014.

Usuários da rodovia na região de Presidente Prudente, no interior, já eram informados sobre o aumento nesta sexta-feira, 28. O reajuste maior, de 7,75%, vai incidir nas tarifas do pedágio de Rancharia, que passam de R$ 6,60 para R$ 7,10 para automóveis. Caminhões pagam esse valor por eixo. Para as motos, a tarifa sobe de R$ 3,30 para R$ 3,35.

Na praça de Presidente Bernardes, o reajuste de 6,81% vai elevar a tarifa básica - para carros e por eixo de caminhão - de R$ 8,80 para R$ 9,40. O valor das motos passa de R$ 4,40 para R$ 4,70. No mês passado, a tarifa dessa praça já havia subido R$ 0,10 pela chamada "reclassificação tarifária".

Em Caiuá, com o reajuste de 6,06%, o motorista de veículo de passeio que atualmente paga R$ 6,60, passa a desembolsar R$ 7,00 - mesmo valor que será cobrado por eixo de veículo de carga. A tarifa de motos sobe de R$ 3,30 para R$ 3,50.

No pedágio de Regente Feijó, o reajuste será de 5,97%, elevando a tarifa básica de R$ 6,70 para R$ 7,10. As motos, que pagam R$ 3,35, passarão a pagar R$ 3,55. Os reajustes, autorizados pela Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp), entram em vigor a zero hora de segunda.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade