Publicidade

Estado de Minas

Em ação pelo Rio Pinheiros, estudantes enterram 'cápsula do tempo' em parque


postado em 10/06/2018 09:48

São Paulo, 10 - Cerca de 300 estudantes das redes pública e privada realizaram ontem uma ação em prol do Rio Pinheiros, no Parque do Povo, zona oeste da capital.

Eles depositaram em uma cápsula do tempo, enterrada no parque, mensagens positivas que querem deixar para o futuro. Com o mote "Qual a notícia que esperam ler sobre o Rio Pinheiros em 13 de junho de 2020", Mariana Helena de Gusmão, de 11 anos, aluna da Escola Municipal Alcides Gonçalves Etchegoyen, depositou a frase "que ele esteja limpo, cheiroso e com muitos peixes".

Em meio à Semana do Meio Ambiente, o movimento #VoltaPinheiros e o Instituto Limpa Brasil criaram uma ação para trazer o assunto da revitalização do rio à pauta dos paulistanos. Para Marcelo Reis, idealizador do #VoltaPinheiros, o rio ainda tem solução. "Precisamos ter um projeto sério, aberto à população, em que é necessário ter engajamento do governo do Estado, da Prefeitura, de empresários e da sociedade." Edilaine Muniz, coordenadora do Limpa Brasil, concorda e também destaca o valor de refletir sobre temas como o lixo.

Entre as ações realizadas no Parque do Povo foi apresentado o aplicativo "World Cleanup Day", que integra uma iniciativa global para incentivar a limpeza das cidades. Por ele, um "voluntário colaborador" aponte locais onde os lixos são descartados de maneira irregular, explicou Frederico Rocha Duarte, coordenador da ação. As informações são do jornal

O Estado de S. Paulo.

(Ana Paula Niederauer)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade