Publicidade

Estado de Minas

Portas fechadas da Runner Higienópolis revolta alunos e PM é chamada


postado em 01/08/2017 13:37

Alunos da academia Runner, em Higienópolis, se revoltaram contra o fechamento da unidade nesta segunda-feira, 31. Policiais militares foram ao local às 11h22 desta segunda-feira, 31, chamados por alunos indignados com portas fechadas da academia na Avenida Angélica.

O vídeo foi feito por Aroldo Bariani e divulgado em suas redes sociais. "O triste fim daquela que já foi a melhor rede de academias de São Paulo", afirmou.

No local havia dois comunicados. Um deles informava que haveria atendimento aos alunos nesta segunda, entre 11h e 20h.

O outro, denominado ‘'Fato Relevante' estava em nome da Runner Academias, com a data de 27 de julho e um número de telefone (3105-7824). A reportagem ligou para o número e ouviu um recado automático. "Atenção. Este telefone está temporariamente fora de serviço."

O comunicado informou 'com pesar o encerramento das atividades da unidade Higienópolis devido a um desacordo com os proprietários do imóvel’. No documento, a academia afirma ter 'algumas opções de transferência para outras unidades da rede ou academias parceiras da região'.

"Alunos com plano mensal recorrente (DCC) não terão mais nenhuma mensalidade debitada em seu cartão de crédito, tendo sido o último débito efetuado referente ao mês de julho, com direito ao acesso até o próximo dia 31 do mesmo mês, data do encerramento das atividades. Tal procedimento é automático e não necessita de nenhuma providência por parte do aluno", afirmou a Runner.

A academia informou, ainda: "Os alunos que possuem planos de fidelização deverão procurar a gerência para que efetuemos a negociação de transferência para outra unidade ou cancelamento de seu plano, que será avaliado caso a caso."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade