Publicidade

Estado de Minas

Minas investiga 18 profissionais de saúde por faltas


postado em 04/06/2014 08:49

São Paulo, 04 - A prefeitura de Uberaba, no Triângulo Mineiro, protocolou nesta terça-feira, 3, no Ministério Público Estadual o relatório da Comissão Especial que investigou irregularidades se setor de saúde do município. Dezoito pessoas, entre médicos, enfermeiras e funcionários do setor administrativo, teriam trabalhado menos do que deveriam e recebido mais até que o teto permitido para os plantões. Alguns médicos teriam recebido sem ao menos comparecer no local de trabalho. As informações são do jornal

O Estado de S. Paulo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade