Publicidade

Estado de Minas

Atual presidente da Guiné vence as eleições com 59% dos votos


24/10/2020 17:31

O atual chefe de Estado da Guiné, Alpha Condé, de 82 anos, ganhou a eleição presidencial de 18 de outubro com 59,49% dos votos, obtendo assim o direito a um terceiro mandato, anunciou a comissão eleitoral neste sábado (24).

Seu principal rival, Cellou Dalein Diallo, de 68 anos, que se proclamou vencedor da presidencial antes da publicação dos resultados, obteve 33,5% dos votos, segundo a comissão.

"Vamos protestar contra o roubo eleitoral nas ruas", declarou o opositor à AFP, bloqueado em sua residência de Conakry pela polícia. "Vamos recorrer de todas as maneiras ao Tribunal Constitucional, mas sem muita esperança", garantiu.

A possibilidade de um terceiro mandato consecutivo de Condé, de 82 anos, provocou durante um ano protestos em que dezenas de civis perderam a vida e criando o temor de possíveis campanhas eleitorais violentas, em um país acostumado com a violência política.

Depois da votação, os confrontos registrados deixaram uma dezena de mortos, segundo as autoridades.

O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, pediu no sábado para que se encontre uma "solução pacífica" para a crise pós-eleitoral na Guiné, urgindo Condé e Diallo a "convencer seus apoiadores a acabar imediatamente com a violência e entrar no diálogo".

"As Nações Unidas estão prontas para apoiar um processo de diálogo por uma solução rápida e pacífica para a crise", afirmou.

Além da Guiné, este ano há eleições na Costa do Marfim, Burkina Faso, Gana e Níger.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade