Publicidade

Estado de Minas

"PandEmmys" registram um novo recorde de baixa audiência nos EUA


21/09/2020 16:43

O Emmy Award, que premia os melhores da televisão, registrou um novo recorde de baixa audiência, apesar de seus organizadores terem superado desafios técnicos e administrado com sucesso uma cerimônia remota devido à pandemia.

A 72ª edição do Emmy, transmitida de um teatro vazio de Los Angeles com dezenas de indicados e vencedores conectados por videoconferência, foi assistida por uma média de 6,1 milhões de telespectadores nos Estados Unidos, informou a rede ABC nesta segunda-feira(21).

Em 2019, 6,9 milhões de pessoas acompanharam a festa e, em 2018, 10,2 milhões, ambos recordes de baixa audiência na época.

A cerimônia foi dominada por três programas: "Watchmen" que encerrou com 11 estatuetas, incluindo a de melhor minissérie, "Sucessão", vencedor do prêmio principal da noite, de melhor série dramática, e "Schitt's Creek", que se destacou nas categorias de comédia.

Tentando dar um toque positivo às estatísticas, a ABC explicou que os Emmys enfrentam um calendário esportivo muito apertado, com a maioria dos principais esportes profissionais do país retomando os jogos em estádios vazios depois de meses parados.

Seus competidores transmitem futebol americano, o esporte mais assistido da América, e os playoffs da NBA.

A ABC também destacou uma maior interação nas redes sociais.

Nos últimos anos, a audiência das cerimônias de premiação diminuiu consideravelmente.

No entanto, a mídia especializada parabenizou a produção do Emmys, que incluiu apresentadores vestidos com roupas de proteção com desenhos de smoking e as casas dos vencedores.

A Variety chamou de "uma vitória surpresa da produção" e a Deadline chamou de "melhor cerimônia de premiação" em muito tempo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade