Publicidade

Estado de Minas INTERNACIONAL

Coronavírus: Trump ameaça impor tarifas sobre produtos da China


postado em 30/04/2020 19:26

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou impor tarifas sobre produtos da China, sugerindo que o país tem responsabilidade pela disseminação do novo coronavírus pelo mundo. Durante entrevista coletiva, Trump disse nesta a repórteres que o coronavírus poderia ter sido contido no início "de modo relativamente simples", mas Pequim fracassou.

"Eles não pararam o vírus em termos de competência ou eles deixaram isso se disseminar", afirmou Trump. Em outro momento da coletiva, ele voltou a dizer que a China "poderia ter feito isso", referindo-se ao trabalho para conter a doença. "Provavelmente isso saiu do controle", disse.

Repórteres questionaram sobre uma versão segundo a qual o vírus não teria surgido a partir de um animal, mas em um laboratório em Wuhan, o que a China e autoridades sanitárias internacionais e até nos EUA têm negado. Trump não quis entrar no assunto, mas afirmou que seu governo tem se debruçado sobre a questão. "Não é aceitável esse vírus vindo da China, estamos apurando isso", comentou.

Uma reportagem de hoje do jornal The Washington Post afirmou, a partir de fontes, que os EUA poderiam não pagar algumas dívidas com a China, como forma de punição. Trump, porém, negou isso e disse que essa estratégia poderia prejudicar o dólar, mas citou a imposição de tarifas como uma possibilidade. Ele afirmou que, após o acordo comercial bilateral fechado há alguns meses, a China tem comprado bilhões de dólares em produtos agropecuários americanos e disse que agora Pequim não explora mais os americanos no comércio, o que ocorreria em governos anteriores.

Trump ainda criticou a Organização Mundial de Saúde (OMS), pelo que considerou um fracasso na pandemia de coronavírus e também por, segundo ele, proteger a China. "A OMS deveria estar envergonhada", afirmou. Anteriormente, o presidente anunciou a interrupção do envio de dinheiro à OMS, por considerar a entidade muito "voltada para a China".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade