Publicidade

Estado de Minas

EUA e talibãs discutem últimos pontos de acordo


postado em 26/08/2019 23:31

Estados Unidos e os talibãs afegãos prosseguirão com suas negociações em Doha nesta terça-feira para tentar "concluir os últimos pontos do acordo" visando a retirada dos soldados americanos do Afeganistão, informou o porta-voz do movimento fundamentalista islâmico, Suhail Shaheen.

Os negociadores retomaram os contatos nesta segunda-feira e seguiram discutindo até tarde, constatou o correspondente da AFP.

Esta nova rodada de negociações entre rebeldes e representantes dos EUA teve início na quinta-feira.

"Fizemos progressos e discutimos agora o mecanismo de aplicação (do acordo) e alguns pontos técnicos", disse Shaheen no sábado à AFP. "O acordo estará concluído quando fecharmos estes pontos".

As negociações visam a resolver a questão da presença das tropas americanas no país, que já dura 18 anos, para que mais de 13 mil soldados possam retornar para casa.

Em contrapartida, os talibãs se comprometem a impedir que os territórios que controlam sejam utilizados por organizações "terroristas".

Um cessar-fogo entre rebeldes e tropas americanas ou ao menos uma "redução da violência" deve figurar no documento.

Os EUA esperam um acordo de paz antes de 1º de setembro, prévio às eleições afegãs previstas para o mesmo mês.

As tropas americanas invadiram o Afeganistão para tirar os talibãs do poder após os atentados de 11 de setembro de 2001.


Publicidade